Meteorologia

  • 19 MAIO 2022
Tempo
28º
MIN 14º MÁX 29º

AO MINUTO: "Não é altura de facilitismos". 79 mil casos em 24h no Brasil

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19 em Portugal e no resto do mundo.

AO MINUTO: "Não é altura de facilitismos".  79 mil casos em 24h no Brasil
Notícias ao Minuto

08:29 - 20/03/21 por Notícias ao Minuto

Mundo Covid-19

Portugal registou mais 8 mortes devido à Covid-19 e 457 novos casos de SARS-CoV-2, segundo o relatório mais recente da Direção-Geral da Saúde (DGS). Há um total acumulado de 16.762 óbitos e 817.080 infetados desde o início da pandemia. Embora o índice de transmissibilidade (Rt) tenha aumentado discretamente para abaixo de 0,86, Portugal mantém-se na zona verde da matriz de risco.

Importa recordar que a circulação entre concelhos em Portugal continental volta a estar proibida entre as 20h00 se sexta-feira e as 5h00 de segunda-feira, no âmbito do Estado de Emergência.

Pode consultar nestes mapas interativos a evolução da pandemia do novo coronavírus em Portugal e no resto do Mundo

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19 em Portugal e no resto do mundo:

00h00 - Boa noite! Termina aqui o acompanhamento ao minuto deste sábado. De manhã publicaremos um novo artigo no qual vai poder continuar a acompanhar os principais desenvolvimentos da pandemia em Portugal e no resto do mundo.

Não se esqueça: se sentir sintomas relacionados com o coronavírus ligue para a Linha SNS24 - 808 24 24 24.

23h50 - O Ministério da Saúde do Chile anunciou hoje que, para controlar a presença da variante brasileira em território chileno, os passageiros que chegarem do Brasil, sejam chilenos ou estrangeiros, deverão ficar num hotel sanitário e suportar os gastos associados.

23h25 - Mafalda nasceu com apenas 1.5 kg e com Covid-19. Após 45 dias, teve alta. A mãe, infetada com o novo coronavírus, chegou a estar internada nos Cuidados Intensivos. Conheça a história da família

22h30 - O Brasil registou, em apenas 24 horas, 79.069 mil casos de Covid-19 e 2.438 mortes devido à doença, anunciaram as autoridades de saúde este sábado, dia 20 de março. 

De acordo com o boletim epidemiológico de hoje, o país soma assim 11.950.459 casos desde que a pandemia chegou ao Brasil.  O número de vítimas mortais provocadas pelo SARS-CoV-2 ascende as 292.752.

20h00-  Itália regista hoje 23.832 novos casos de infeção pelo coronavírus SARS-CoV-2 e 401 mortes associadas à covid-19 nas últimas 24 horas, e continua a aumentar o número de internamentos, avançou hoje o Ministério da Saúde italiano. Já o Reino Unido notificou mais 5.587 casos de Covid-19 e 96 mortes devido à doença. França, que enfrenta um aumento dos contágios, reportou este sábado  mais 185 mortes e 35.327 casos de Covid-19.

19h00 - Perto de três mil pessoas manifestaram-se, este sábado, dia 20 de março, em Lisboa, contra a gestão da pandemia de Covid-19 em Portugal e por uma maior liberdade individual e social, num protesto que se repetiu também em diversas cidades europeias e mundiais.

Notícias ao Minuto Manifestações ocorreram em vários países© Getty Images  

18h30 - O regulador de saúde do Brasil, segundo país do mundo mais afetado pela pandemia, anunciou hoje uma série de medidas para evitar a escassez de oxigénio e medicamentos para os doentes mais graves com covid-19.

17h30 - Os Açores retomaram hoje a administração da vacina da AstraZeneca, com o centro de vacinação instalado na cidade de Ponta Delgada, na ilha de São Miguel, a voltar a fazer esta inoculação, desde o início desta manhã.

17h00 - O secretário-geral do PS advertiu hoje que o futuro em termos de desconfinamento depende da forma como os cidadãos gerirem as próximas semanas e que esta não á altura para "facilitismos" em relação à covid-19.

16h14 - A Polícia Marítima da Póvoa de Varzim interrompeu sexta-feira uma festa promovida na praia por sete jovens entre os 16 e os 21 anos, iniciativa que violava as medidas de prevenção à pandemia, informou hoje aquela força policial.

15h59 - A inoculação com a vacina da AstraZeneca foi retomada, este sábado, nos Açores, revelou a Autoridade Regional de Saúde num comunicado enviado ao Notícias ao Minuto. Na mesma nota, esta autoridade revela que, até ao início da próxima semana, serão vacinadas 212 pessoas, diariamente, no Centro de Vacinação de Ponta Delgada, na ilha de São Miguel, e que, na próxima segunda-feira, abre um segundo centro de vacinação, mas em Angra do Heroísmo, na ilha Terceira.

15h38 - Uma manifestação pró-democracia em frente do Grande Palácio de Banguecoque foi hoje dispersa pela polícia, que recorreu a balas de borracha, gás lacrimogéneo e canhões de água, reportou a agência noticiosa France-Presse (AFP).

15h17 - Confrontos eclodiram hoje entre a polícia e manifestantes contra as medidas tomadas no âmbito do combate à Covid-19 em Cassel, uma cidade no centro da Alemanha, durante um dos maiores protestos desde o início do ano neste país.

15h10 - Suíça. Dezenas de milhares de pessoas protestaram hoje na cidade suíça de Liestal, exigindo o fim das medidas de restrição impostas para conter a pandemia de Covid-19.

15h03 - Mais nove novos casos de Covid-19 foram diagnosticados nos Açores, nas últimas 24 horas, todos na ilha de São Miguel, resultantes de 1.969 análises, informou hoje a Autoridade de Saúde dos Açores. No seu boletim diário, aquela entidade adianta que os novos casos foram diagnosticados "em contexto de transmissão comunitária", sendo São Miguel "a única ilha do arquipélago que à data de hoje regista casos positivos ativos de Covid-19".  

14h12 - Portugal registou mais 8 mortes devido à Covid-19 e 457 novos casos de SARS-CoV-2, segundo o relatório mais recente da Direção-Geral da Saúde (DGS). Há um total acumulado de 16.762 óbitos e 817.080 infetados desde o início da pandemia. O número de internamentos continua na trajetória descendente, sendo que hoje há menos 45 pessoas internadas em enfermarias hospitalares (744 no total) e menos 12 em unidades de cuidados intensivos (170 no total). 

13h27 - O Governo português anunciou hoje que decidiu incluir África do Sul nas restrições em vigor para os voos com origem no Brasil e Reino Unido, refere um comunicado do Ministério da Administração Interna (MAI). No comunicado de imprensa, o MAI explica que "esta decisão tem natureza preventiva, depois de as autoridades de saúde portuguesas terem identificado alguns casos de infeção com a variante sul-africana da Covid-19 e haver risco da sua propagação".  

12h14 - Mais de metade da população adulta do Reino Unido já recebeu a primeira dose da vacina contra a Covid-19. O anúncio foi feito pelo ministro da Saúde britânico, este sábado. "Ontem vacinámos mais pessoas do que em algum outro dia. Estou muito feliz de poder dizer que já vacinámos metade dos adultos do Reino Unido", escreveu Matt Hancock no Twitter.

11h52 - A Ucrânia registou mais de 15.000 contágios de Covid-19 pelo terceiro dia consecutivo e 260 mortes causadas pela doença nas últimas 24 horas, informaram hoje as autoridades locais. As autoridades locais ucranianas anunciaram que vão reforçar a partir de hoje a quarentena em várias regiões para travar o avanço da pandemia.No último dia, a Ucrânia acrescentou mais 15.292 casos, o que aumenta o número total de contágios para 1.535.218, de acordo com os últimos dados do ministério da Saúde do país.

11h46 - A Hungria registou 11.132 novos casos de Covid-19 e 227 mortes nas últimas 24 horas, representando um aumento de 18 e 40%, respetivamente, em relação aos números de há uma semana, e novos máximos desde o início da pandemia. De acordo com os dados divulgados hoje pelas autoridades sanitárias, o número de internados continua a aumentar, cifrando-se agora em 10.583, dos quais 1.237 estão ventilados. A Hungria tem, atualmente, a terceira maior incidência de casos e de mortes em função da sua população na União Europeia.  

11h34 - O primeiro-ministro paquistanês testou positivo para o novo coronavírus, segundo confirmaram as autoridades de Saúde do país. Imran Khan, de 68 anos, tinha sido vacinado há apenas dois dias, na quinta-feira. O governante isolou-se em casa, explicou o conselheiro especial de Saúde, Faisal Sultan, na rede social Twitter.

11h23 - O Comité Organizador de Tóquio2020 decidiu, este sábado, que não vai permitir a presença de espetadores estrangeiros nos Jogos Olímpicos por conta da pandemia de Covid-19. "No sentido de clarificar a situação para os detentores de bilhete que vivam no estrangeiro e de lhes permitir ajustar os seus planos de viagem nessa altura, as partes do lado japonês chegaram à conclusão que eles (espetadores) não poderão entrar no Japão por ocasião dos Jogos", pode ler-se num comunicado, que precisa que as instâncias olímpicas internacionais já terão aceitado a decisão. Quem comprou bilhete será reembolsado.

11h10 - As infeções diárias por coronavírus continuam a aumentar na Índia, ultrapassando hoje a barreira dos 40 mil casos em 24 horas pela primeira vez desde o passado mês de novembro. A Índia registou hoje 40.953 novos casos de coronavírus, adiantou o Ministério da Saúde indiano, que teme uma segunda vaga. O número de mortes também subiu para 188, embora esteja longe das mais de 1.200 diárias em setembro, elevando o total para 159.370. A Índia ultrapassou os 11,5 milhões de casos positivos desde o início da pandemia de Covid-19 e é o terceiro país com mais casos confirmados, atrás dos Estados Unidos e do Brasil.

10h59 - A Dinamarca anunciou, este sábado, dois casos de coágulos sanguíneos e hemorragia cerebral após a toma da vacina contra a Covid-19 da AstraZeneca. As reações foram identificadas em dois profissionais de saúde, e para um deles revelaram-se fatais. As autoridades de Saúde dinamarquesas, citadas pela Reuters, deram conta de que um dos funcionários hospitalares morreu, tendo os dois recebido a vacina menos de 14 dias antes de se verificarem os sintomas.

10h41 - A presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, ameaçou hoje bloquear as exportações da vacina AstraZeneca se a União Europeia (UE) não recebesse primeiro as suas entregas. A Comissão Europeia anunciou na quinta-feira que iria ativar um procedimento contratual para resolver o litígio com a AstraZeneca, cujas entregas de vacinas contra a Covid-19 são significativamente inferiores às inicialmente previstas.

09h45 - A Linha Covid Lares, criada em outubro, já ajudou mais de 700 instituições que viveram casos de infeção com o novo coronavirus e, segundo o responsável, permitiu evitar centenas de surtos ao longo deste período. De outubro de 2020 a março deste ano a linha recebeu 1.458 chamadas de 782 lares de idosos em Portugal.

09h31 - O primeiro ano da pandemia de Covid-19 ficou marcado pela maior quebra de que há registo da economia nacional, levando o turismo a quase paralisar durante dois meses e ao 'lay-off' de parte significativa da população. Veja aqui alguns números acerca do impacto económico da pandemia de Covid-19 em Portugal.  

09h27 - O setor social tem recebido cada vez mais pedidos de ajuda por parte de famílias que procuram não só apoio alimentar, mas também para despesas e até nas comparticipações, o que poderá indiciar um agravamento da pobreza. "Estávamos de facto numa orientação diferente. Até final de 2019 vinha diminuindo lentamente o número de pobres, mas a partir do princípio de 2020 e até ao final deste ano temo que continue a aumentar o número de pobres", apontou o presidente da Confederação Nacional das Instituições de Solidariedade Social (CNIS).

09h23 - Passado um ano do início da pandemia, o crescimento da pobreza em Portugal vai-se tornando visível no aumento de apoios sociais como as prestações pagas para atenuar a pobreza e na dependência da ajuda alimentar do Governo. O total de prestações de Rendimento Social de Inserção (RSI) pagas em março de 2020, quando teve início a pandemia de Covid-19 em Portugal, era de 199.918, mas em menos de um ano cresceu para as 212.045 prestações, segundo os dados mais atualizados do Instituto de Segurança Social (ISS).  

09h13 - A pandemia ditou uma mudança no mercado de trabalho e as empresas começaram a privilegiar nos seus recursos humanos a flexibilidade, polivalência, capacidade de resposta ao inesperado e a empatia. Estes são fatores considerados como "mais-valias" perante uma mudança súbita, como foi a pandemia, considera a Adecco, que revelou cinco das profissões que vão ter mais saída no período pós-pandemia. Saiba quais são aqui.

08h28 - A Alemanha registou, este sábado, 16.033 novos infetados com Covid-19 em apenas 24 horas, uma descida comparativamente aos dois dias consecutivos anteriores em que foram registados mais de 17 mil casos. Segundo os dados atualizados do Instituto Robert Koch, o total de infetados é de 2.645.783. Há ainda a lamentar 207 mortos, num total de 74.565 vítimas mortais desde o início da pandemia no país

07h57 -  Segunda vacina cubana começa para a semana a fase 3 dos ensaios clínicos. Cuba vai começar a vacinar, na segunda-feira, 48 mil voluntários com a sua vacina contra a Covid-19 Abdala, a segunda do país a entrar na fase 3 dos ensaios clínicos, a última antes da aprovação, anunciaram hoje as autoridades cubanas. Segundo o vice-presidente do grupo farmacêutico estatal BioCubaFarma, Eulogio Pimentel, 22 vacinas candidatas em todo o mundo estão atualmente na fase 3, acrescentando que a 23ª é Abdala, batizada com o nome do poema do herói nacional José Marti.

07h40 - O uso da identidade de pessoas mortas para conseguir uma vacinação antecipada contra a Covid-19 foi uma das irregularidades encontradas pelas autoridades de controlo do Brasil, segundo um estudo divulgado na sexta-feira. A análise, feita pela Controladoria-Geral da União (CGU), verificou o cumprimento das prioridades em cerca de 10 milhões de doses de vacinas, que foram aplicadas contra a Covid-19 no país sul-americano até 10 de março.  

07h37 - O México registou 613 mortes causadas por Covid-19 e 5.722 casos nas últimas 24 horas, informaram na sexta-feira as autoridades mexicanas. Desde o início da pandemia, o país contabilizou 197.219 óbitos e 2.187.910 casos confirmados de Covid-19. O México é o terceiro país do mundo com mais mortes provocadas pelo novo coronavírus.  

07h26 - Uma parte dos edifícios restaurados para alojamento local poderá ficar disponível para arrendamento no pós-pandemia, porque o conceito de turismo de massas deverá mudar e Portugal não terá tantos turistas como no passado, segundo o geógrafo João Ferrão. "O alojamento local hoje está numa grande crise, porque não há turismo. Quando o turismo voltar, parte desse alojamento local vai outra vez ser ocupado. Mas será uma parte ou todo? Essa é a grande dúvida", observou.  

07h13 - O presidente do Senado brasileiro enviou na sexta-feira uma carta à vice-presidente norte-americana, Kamala Harris, a pedir autorização para comprar doses de vacinas contra a Covid-19 que estão armazenadas nos Estados Unidos. A mensagem foi enviada à embaixada norte-americana em Brasília e endereçada a Kamala Harris que, por ser vice-presidente de Joe Biden, preside o Senado norte-americano.

07h11 - Um ano depois do início do primeiro confinamento obrigatório para combater a propagação da pandemia de Covid-19, o apoio alimentar no Algarve ainda é vital para que muitas famílias possam ter acesso a refeições diárias. A dependência económica da região relativamente ao setor do turismo e as restrições nas viagens internacionais obrigaram muitas empresas a fechar portas, recorrer ao 'lay-off' ou a dispensar trabalhadores, aumentando o desemprego.  

07h07 - A embaixada de Portugal em Brasília anunciou na sexta-feira um novo voo de repatriamento entre Campinas, no estado brasileiro de São Paulo, e Lisboa, a realizar-se em 29 de março pela companhia aérea Azul. Os voos, comerciais ou privados, com origem ou destino no Brasil e no Reino Unido vão manter-se suspensos até dia 31 de março, anunciou na segunda-feira o Governo. Numa nota, o Ministério da Administração Interna referiu que as medidas restritivas do tráfego aéreo vão continuar em vigor até ao último dia deste mês, devido à situação epidemiológica provocada pela Covid-19.  

07h05 - Crise provocada pela pandemia vai trazer "mais pobreza e desigualdades". O professor e especialista em políticas sociais Carlos Farinha Rodrigues alertou que o país que está refletido nos dados sobre pobreza do Instituto Nacional de Estatística desapareceu e que a crise atual vai trazer mais desigualdade e mais pobreza. Segundo o especialista e investigador nas áreas da distribuição do rendimento ou da desigualdade e pobreza, hoje há fatores de crise que "certamente se vão traduzir em agravamentos da desigualdade e da pobreza que [os] dados [do INE] ainda não captam".  

07h03 - Os Estados Unidos registaram 1.650 mortes por Covid-19 nas últimas 24 horas e 62.787 novos casos, de acordo com a contagem independente da Universidade Johns Hopkins. Desde o início da pandemia, os Estados Unidos acumularam 540.970 óbitos e 29.725.919 casos da doença. Os EUA são o país com mais mortes devido à Covid-19 e também com mais contágios.  

07h00 - Bom dia, iniciamos um novo registo de acompanhamento da pandemia. Pode recordar o anterior aqui.

Leia Também: AO MINUTO: As regras dos autotestes; Brasil atinge novo máximo de casos

Notícias ao Minuto nomeado para os Prémios Marketeer

O Notícias ao Minuto é um dos nomeados da edição de 2022 dos Prémios Marketeer, na categoria de Digital Media. As votações decorrem até ao próximo dia 31 de maio.

Para nos ajudar a vencer, basta aceder ao site da iniciativa organizada pela revista Marketeer, clicando aqui, e proceder ao preenchimento do formulário, selecionando Notícias ao Minuto na categoria de Digital Media e formalizando depois a votação. Obrigada pela sua preferência!

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório