Meteorologia

  • 20 JULHO 2024
Tempo
23º
MIN 19º MÁX 27º

Timochenko pede para "libertarem a Ucrânia"

A ex-primeira-ministra ucraniana Iulia Timochenko, na prisão, pediu hoje aos líderes europeus que "libertem a Ucrânia" e façam tudo para assinar um acordo de associação na cimeira da Parceria Ocidental que se inicia hoje em Vilnius.

Timochenko pede para "libertarem a Ucrânia"
Notícias ao Minuto

12:07 - 28/11/13 por Lusa

Mundo Ex-governante

O Governo ucraniano anunciou há uma semana a suspensão dos preparativos para a assinatura de um acordo de associação com a União Europeia e o reforço dos laços comerciais com a Rússia, o que levou milhares de ucranianos a protestar nas ruas de Kiev e de outras cidades do país.

O Presidente, Viktor Ianukovitch, informou na quarta-feira que vai à Cimeira de Vilnius, onde inicialmente se previa que fosse assinado o acordo, assegurando que a Ucrânia mantém a intenção de, um dia, assinar um tal pacto com a UE.

"Se sob pressão das manifestações na Ucrânia, Ianukovitch decidir, mesmo no último momento, assinar o acordo (...), peço-vos que o assinem na sexta-feira, sem hesitação nem condições, incluindo a minha própria libertação", escreveu a ex-primeira-ministra, numa mensagem divulgada por colaboradores.

"Hoje não é só preciso libertar os prisioneiros políticos, é preciso libertar a Ucrânia", acrescentou, considerando que a assinatura do acordo "vai ajudar todo o povo a ultrapassar um fosso civilizacional criado por ideologias erradas e impérios agressivos".

Iulia Timochenko, condenada a sete anos de prisão por abuso de poder, depois da eleição do seu adversário Viktor Ianukovitch, em 2010, anunciou na segunda-feira que iniciou uma greve de fome em protesto contra a decisão do Governo de suspender os planos para assinar o acordo com a UE.

O comissário europeu para a política de vizinhança, Stefan Fuele, afirmou na quarta-feira que a UE "continua aberta a assinar um acordo de associação e comércio livre com a Ucrânia", numa entrevista à agência russa Interfax.

Recomendados para si

;
Campo obrigatório