Meteorologia

  • 13 DEZEMBRO 2019
Tempo
15º
MIN 14º MÁX 17º

Edição

Tiroteio em Halle descrito como ataque antissemita. Há imagem do atirador

Os procuradores acreditam que o ataque deverá ter tido motivações de extrema-direita.

Tiroteio em Halle descrito como ataque antissemita. Há imagem do atirador

Um atirador que matou duas pessoas em Halle, na Alemanha, transmitiu o ataque em direto para a página Twitch, referem os meios de comunicação alemães. O homem fez várias referências antissemitas e usou slogans nazis durante o tiroteio.

O incidente que foi classificado como um ataque antissemita, deverá ter tido motivações de extrema-direita A Procuradoria-geral alemã, que tem competências na área da luta antiterrorista, assumiu a investigação.

Num comunicado, citado pela Associated Press, o ministro do Interior alemão, Horst Seehofer, confirmou que o "atirador, fortemente armado," tentou forçar a entrada numa sinagoga e que foram disparados tiros no exterior e num restaurante de kebabs próximo do local religioso.

O suspeito foi detido imediatamente após o ataque e segundo o Der Spiegel, que não cita qualquer fonte, trata-se de um homem de 27 anos do estado da Saxônia-Anhalt, onde fica a cidade de Halle

Apesar de ainda não ter sido oficialmente identificado, o suspeito surge no vídeo, gravado com uma câmara GoPro, a falar em inglês. Nas imagens, conta a RT, é ouvido a dizer que "o feminismo é responsável pelo declínio das taxas de natalidade nos países ocidentais", que posteriormente são usadas como justificação para a imigração em massa. O atacante acusou ainda os judeus de serem "a raiz de todos os problemas".

No vídeo, conta o mesmo meio de comunicação, o atirador é visto durante os 35 minutos de duração a andar pelas ruas de Halle, a tentar entrar numa sinagoga e a invadir um restaurante de kebabs, enquanto dispara de forma aleatória na direção de várias pessoas.

Uma testemunha que se encontrava no local disse à Ntv que o agressor estava vestido com uma farda militar e usava um capacete ou máscara, levando na mão uma pistola automática e o que parecia ser uma granada de mão.

Recorde-se que esta quarta-feira celebra-se o Yom Kipur, o feriado judaico mais importante. 

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório