Meteorologia

  • 05 DEZEMBRO 2019
Tempo
14º
MIN 10º MÁX 16º

Edição

As fotografias das armas e munições usadas em ataque da Nova Zelândia

Três dias antes do ataque o atirador publicou várias imagens das armas que usou no tiroteio às mesquitas na sua conta de Twitter.

Antes de a conta ser apagada, Brent Tarrant publicou no Twitter imagens onde se podem ver as munições e armas utilizadas no ataque que foi levado a cabo em duas mesquitas, em Christchurch, na Nova Zelândia, esta sexta-feira.

Nas imagens é possível ver as munições escritas com referências a responsáveis por tiroteios em massa, várias figuras militares sérvias ou referências à Batalha de Viena, em 1683, onde os cristãos derrotaram os otomanos, por exemplo.

Um dos nomes era Alexandre Bissonnette que matou seis pessoas num tiroteio numa mesquita na cidade do Quebeq.  Luca Traini é outro dos nomes, um italiano com ideias de extrema-direita que matou seis migrantes africanos na cidade de Macerata.

Recorde-se que duas mesquitas em Christchurch, na Nova Zelândia, foram alvo de dois ataques que mataram, pelo menos, 49 pessoas e fizeram mais de 40 feridos graves. Quatro pessoas foram detidas relacionadas com o ataque - três homens e uma mulher. Um dos homens já foi acusado de homicídio e de acordo com o comissário da polícia, Mike Bush, trata-se de um homem na casa dos 20 anos que vai ser presente em tribunal esta sexta-feira de manhã.

Um dos suspeitos transmitiu em direto para as redes sociais o momento em que entrou numa das mesquitas e começa a disparar indiscriminadamente. Esse homem foi identificado como  Brenton Tarrant, um australiano de 28 anos, que também publicou online um manifesto anti-imigrantes de 87 páginas no qual justificava os ataques.

A polícia desativou ainda vários engenhos explosivos que se encontravam numa viatura junto a uma das mesquitas.

A primeira-ministra neozelandesa, Jacinda Ardern, já classificou o ataque como "um  ato de violência sem precedentes" e aquele como um dos "dias mais negros da Nova Zelândia".

Acima, na galeria, pode ver as imagens.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório