Meteorologia

  • 19 AGOSTO 2018
Tempo
32º
MIN 32º MÁX 33º

Edição

Polícia francesa reabre caso de criança assassinada há 30 anos

As autoridades francesas reabriram o caso de uma criança encontrada há 30 anos sem vida e mutilada junto a uma autoestrada no centro de França, tendo detido os pais da rapariga, disseram hoje à AFP fontes policiais.

Polícia francesa reabre caso de criança assassinada há 30 anos
Notícias ao Minuto

12:10 - 14/06/18 por Lusa

Mundo Justiça

No dia 11 de outubro de 1987, o pequeno cadáver mutilado da menina foi encontrado junto à autoestrada A10 que liga Paris a Tours, na região do Loire, centro de França.

Na altura as autoridades não conseguiram identificar o cadáver, apesar das fotografias que foram amplamente divulgadas na imprensa francesa e em trinta países.

No final dos anos 1980, o caso interessou a opinião pública francesa sendo que milhares de pessoas, sobretudo em escolas e hospitais, foram interrogadas pela polícia na tentativa de identificar o corpo que media 95 centímetros.

Os especialistas forenses revelaram agora que os ferimentos detetados no cadáver podem ter sido provocados por um ferro de engomar assim como admitem que o corpo foi mordido por um ser humano, provavelmente uma mulher.

Na altura em que o corpo foi encontrado, o juiz de instrução afirmou que se tratava de um "caso de antropofagia com remoção de carne".

O caso conheceu desenvolvimentos depois de efetuados testes de ADN a um irmão de uma criança desaparecida nos anos 1980 e que permitiu a descoberta da identidade da vítima.

As autoridades cruzaram também as novas informações forenses "com um outro caso" e que permitiu identificar os pais da criança que foram detidos pela polícia esta semana na região de Paris.

O casal, acusado de homicídio, ocultação de cadáver e prática de maus tratos contra criança menor de 15 anos de idade, vai ser presente hoje a um juiz de Blois no centro de França.

Em 1986, criança foi sepultada no cemitério de Suèvres, próximo do local onde foi descoberto o corpo.

Na sepultura que costuma estar coberta de flores encontra-se uma lápide com a inscrição: "Aqui jaz um anjo".

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório

Os cookies ajudam-nos a melhorar a sua experiência como utilizador.

Ao utilizar o nosso website, está a aceitar o uso de cookies e a concordar com a nossa política de utilização.