Meteorologia

  • 27 OUTUBRO 2021
Tempo
17º
MIN 14º MÁX 25º

Edição

Pinatex. Pele de ananás é a nova 'menina bonita' do mundo da moda

Existem cada vez mais exemplos de que a moda pode (e deve) andar de mãos dadas com o bem-estar animal e com a proteção do planeta.

Pinatex. Pele de ananás é a nova 'menina bonita' do mundo da moda
Notícias ao Minuto

14:00 - 26/05/17 por Daniela Costa Teixeira 

Lifestyle Cruelty-free

A indústria da moda da moda é uma das mais poderosas em todo o mundo. Não só satisfaz uma das necessidades mais básicas do ser humano, como também movimenta milhões e milhões de euros todos os anos, lança tendências e maca gerações.

Mas o poder da indústria da moda pode ir ainda mais longe… e é isso que tem acontecido nos últimos anos, em que se tem verificado uma maior aposta na criação de coleções amigas do ambiente, dos animais e do bem-estar geral.

Sustentabilidade é a palavra de ordem.

O estilista Giorgio Armani, por exemplo, pôs no ano passado um ponto final no uso de peles animais. Já a H&M, a Mango e a Zara, por exemplo, intensificaram as suas linhas de roupa ecológicas, em que recorrem a algodão orgânico, linho e materiais que zelam pela qualidade do planeta em que habitamos.

No mundo da cosmética, não faltam exemplos de marcas e produtos que provam que a beleza não tem de vestir coelhinhos e que é possível ter uma pele cuidada e nutrida sem o peso na consciência de que o creme usado possa ter tirado a vida a um animal.

O uso de materiais e produtos que não sejam de origem animal ou não tenham implicado o uso dos mesmos para testes tem crescido a olhos vistos pela indústria da moda, incluindo-se aqui também os acessórios e o calçado. No que diz respeito aos acessórios, a marca Taikka é uma das que tem chamado a atenção.

Conta o site Metro que o uso de ‘pele’ de ananás é o ponto forte dos itens lançados, não só por não recorrer à pele animal, mas também por travar o desperdício de ananás que se vem a verificar.

O ‘pinatex’, como revela a publicação, é o nome dado ao tecido obtido pela fibra da folha do ananás, um material que é já usado pela marca portuguesa NAE.

Vegan e ecológica de nascença, esta marca (que conta com o selo da PETA) tem também uma linha de sapatos criados com pele de ananás, uma coleção que não recorre a uma utilização extra de terra ou água e que não necessita de fertilizantes ou pesticidas.

E por falar em desperdício, a adidas juntou-se ao projeto de preservação ambiental Parley e fez do lixo retirado do fundo dos oceanos matéria-prima para estes ténis

Vegatar, Po-Zu, Rombaut e Vegemoda são outras marcas que fazem uso da pele de ananás.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba dicas para uma vida melhor!

Moda e Beleza, Férias, Viagens, Hotéis e Restaurantes, Emprego, Espiritualidade, Relações e Sexo, Saúde e Perda de Peso

Obrigado por ter ativado as notificações de Lifestyle ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório