Meteorologia

  • 16 JULHO 2019
Tempo
19º
MIN 18º MÁX 20º

Edição

Dormir com lentes de contacto causa infeções e cegueira (mesmo uma sesta)

Dormir somente uma sesta e não tirar as lentes de contacto “aumenta o risco de contração de infeções perigosas e pode deixá-lo cego”.

Dormir com lentes de contacto causa infeções e cegueira (mesmo uma sesta)
Notícias ao Minuto

09:00 - 21/12/18 por Liliana Lopes Monteiro  

Lifestyle Visão fatal

Caso a infeção seja severa o individuo poderá ter que ser admitido num hospital e nos casos mais extremos poderá ser necessária a realização de um transplante ocular de modo a salvar a visão.

Uma nova pesquisa realizada pelo American Collage of Emergency Physicians e que observou os dados de seis estudos anteriores, apurou que dormir com lentes de contacto pode provocar infeções na córnea.

O tipo mais comum de infeção é denominada de queratite microbiana, tratando-se de uma condição extremamente séria que pode provocar cegueira.

Os sintomas iniciais dessa infeção manifestam-se através de vermelhidão no olho, de saída de liquido aquoso da vista e de sensibilidade à luz.

O líder do estudo, o professor Jon Fleming, docente na Universidade do Novo México, nos Estados Unidos, disse: “Dormir com lentes de contacto é um comportamento de risco, podendo causar infeções e danos permanentes”.

“Adormecer, ou até dormir a sesta, sem retirar as lentes de contacto aumenta significativamente a probabilidade de ocorrência de sérios problemas de saúde”.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba dicas para uma vida melhor!

Moda e Beleza, Férias, Viagens, Hotéis e Restaurantes, Emprego, Espiritualidade, Relações e Sexo, Saúde e Perda de Peso

Obrigado por ter ativado as notificações de Lifestyle ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório