Meteorologia

  • 20 NOVEMBRO 2017
Tempo
15º
MIN 14º MÁX 15º

Edição

Rubis compra ativos de gás à Repsol

A Rubis comprou um conjunto de ativos de gás da Repsol em Portugal, numa operação em que o valor não foi revelado, segundo um comunicado da empresa.

Rubis compra ativos de gás à Repsol
Notícias ao Minuto

18:32 - 01/08/17 por Lusa

Economia Comunicado

Com esta aquisição, a Rubis passa a assumir os ativos de distribuição de GPL (Gás de Petróleo Liquefeito) da Repsol nas ilhas da Madeira e dos Açores, bem como as redes em Portugal continental.

A empresa, que não revelou o valor da transação, refere que esta operação permite à Rubis incluir uma operação de distribuição de gás canalizado e alcançar massa crítica nas suas atividades nos Açores e na Madeira.

"Esta transação representa um volume anual adicional de 15.000 toneladas, ou seja, 12% dos volumes atuais já comercializados localmente pelo grupo e que gera um EBITDA [resultado antes de impostos, juros, amortizações e depreciações] anual de seis milhões de euros", refere a Rubis.

Para a distribuição de gás canalizado no continente, a transação tem um "impacto positivo no lucro da Rubis", refere, salientando que no que respeita à operação na Madeira e nos Açores, esta está sujeita à aprovação da Autoridade da Concorrência.

"Esta nova aquisição ilustra a estratégia de desenvolvimento da Rubis em nichos de mercado para complementar as suas atividades existentes", conclui a empresa, no comunicado.

Contactada pela Lusa, fonte oficial da Repsol disse que "esta operação fazia parte do plano estratégico e isso permite" que a petrolífera se dedique "aos negócios de gás com maior crescimento".

Seja sempre o primeiro a saber. Acompanhe o site eleito pela Escolha do Consumidor 2017.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhoras dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório