Meteorologia

  • 28 JULHO 2017
Tempo
32º
MIN 32º MÁX 32º

Edição

CML quer arrecadar mais de 13 milhões com venda de edifícios e terrenos

A Câmara de Lisboa quer arrecadar 13.844.900 euros com a alienação em hasta pública, em meados de julho, de cinco frações autónomas, de cinco parcelas de terreno e de dois lotes de terreno.

CML quer arrecadar mais de 13 milhões com venda de edifícios e terrenos
Notícias ao Minuto

10:31 - 20/06/17 por Lusa

Economia Lisboa

Segundo a informação divulgada no 'site' da autarquia, a hasta pública, que decorre pelas 10h00 de dia 14 de julho no edifício municipal do Campo Grande, estão em causa cinco frações autónomas localizadas nas freguesias de Santa Maria Maior (Residências do Martim Moniz e Rua Áurea), do Lumiar (Rua Bento Jesus Caraça) e da Misericórdia (Rua do Vale).

Os valores base de licitação variam entre os 90 mil euros e os 434,3 mil euros.

No que toca às cinco parcelas de terreno, localizam-se em Belém (Rua Horta e Silva, Rua Dom Jerónimo Osório e Rua Gregório Lopes), no Parque das Nações (Rua Conselheiro Lopo Vaz) e em Santa Maria Maior (Rua Áurea).

Os preços base vão dos 630,4 mil euros aos 5,94 milhões de euros.

Os lotes de terreno incluídos nesta hasta pública estão situados na Quinta dos Alcoutins, freguesia do Lumiar, e têm um preço base de licitação de 370 mil euros e de 400 mil euros.

A autarquia adianta que as candidaturas devem ser remetidas por correio (em envelope opaco e fechado, sob registo e com aviso de receção) ou entregues em mão pelos candidatos ou representantes até às 13:00 de dia 13 de julho.

Receba as melhoras dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório