Meteorologia

  • 19 MAIO 2024
Tempo
13º
MIN 13º MÁX 21º

Investidores europeus ainda não acreditam no fim da crise

Um inquérito trimestral da agência Fitch, divulgado esta segunda-feira, revela que a maioria dos investidores europeus ainda não acredita que o pior da crise da zona do euro já tenha passado.

Investidores europeus ainda não acreditam no fim da crise
Notícias ao Minuto

12:30 - 13/05/13 por Ana Lemos

Economia Zona Euro

Dados de um inquérito a investidores europeus, realizado e hoje divulgado parcialmente pela Fitch, mostra que apenas 41% dos inquiridos acredita que o pior da crise da zona euro já foi ultrapassado, graças às políticas impostas pelo Banco Central Europeu (BCE) para as economias em dificuldade.

Porém, 29% considera que este período de acalmia nos mercados não durará muito, e 30% entende que as recentes subidas das bolsas revelam um comportamento irracional que desvaloriza a fragilidade que a economia da moeda única atravessa.

A Fitch estabelece ainda uma dicotomia entre a recessão e o aumento do desemprego em toda a Europa e o comportamento positivo dos mercados financeiros, frisando que se esta não for validada pela estabilização e progresso no sentido de uma união bancária, o perigo é que a volatilidade dos mercados regresse no Verão, tal como aconteceu em 2011 e 2012.

Nesta pesquisa ficou ainda evidente a preocupação dos investidores com o risco de recessão e da inflação: 86% disseram que uma recessão prolongada representa um alto risco para os mercados de crédito europeus, quando na análise anterior apenas 69% apontava para esse perigo.

De salientar que estes dados surgem depois de a União Europeia ter revisto em baixa o crescimento da zona euro, uma matéria que estará em cima da mesa esta segunda-feira em Bruxelas, no encontro dos ministros das Finanças da moeda única.

Recomendados para si

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório