Meteorologia

  • 21 ABRIL 2024
Tempo
24º
MIN 15º MÁX 26º

SAD do Benfica emite empréstimo obrigacionista de 35 ME com juro de 5,1%

A SAD do Benfica vai emitir um empréstimo obrigacionista no valor de 35 milhões de euros (ME), a uma taxa de juro bruta de 5,1% e maturidade de três anos, entre 2024 e 2027, anunciou hoje a sociedade.

SAD do Benfica emite empréstimo obrigacionista de 35 ME com juro de 5,1%
Notícias ao Minuto

14:19 - 03/04/24 por Lusa

Economia CMVM

A SAD do campeão português de futebol vai emitir 7.000.000 de obrigações, com o valor nominal unitário de cinco euros, segundo o prospeto de admissão à negociação na Euronext, divulgado no sítio oficial da Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM) na Internet.

O empréstimo obrigacionista, que "poderá ser aumentado, por opção do emitente e oferente", deverá ser subscrito entre 08 e 19 de abril de 2024 e terá como data de emissão 24 de abril de 2024 e de reembolso 23 de abril de 2027.

Além de novos subscritores, o prospeto prevê também a troca dos títulos que foram emitidos em 2021, com maturidade em 28 de julho de 2024, também no valor de 35 ME, a uma taxa de juro de 4%, inferior em 1,1% ao empréstimo obrigacionista anunciado hoje pela SAD 'encarnada'.

"A oferta de subscrição visa a obtenção de fundos através do recurso ao mercado de capitais, para reembolsar o empréstimo obrigacionista denominado 'Benfica SAD 2021-2024', (...) e, no seu remanescente, se aplicável, ao desenvolvimento da atividade corrente da Benfica SAD, bem como à diversificação e otimização das fontes de financiamento e reforço de liquidez", assinala.

A receita global líquida da sociedade benfiquista ascenderá a um valor estimado de 33,7 ME, uma vez que o remanescente (perto de 1,3 ME) será absorvido pelos encargos relacionados com a operação.

Leia Também: CMVM levanta suspensão das ações da SAD do FC Porto

Recomendados para si

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório