Meteorologia

  • 14 JULHO 2024
Tempo
15º
MIN 15º MÁX 26º

Prejuízos económicos podem chegar 3,7 mil milhões na Turquia e Síria

As perdas económicas devido aos terramotos na Turquia e na Síria poderão chegar a quatro mil milhões de dólares (3,72 mil milhões de euros) ou um valor superior, segundo as informações divulgadas hoje pela consultora Fitch.

Prejuízos económicos podem chegar 3,7 mil milhões na Turquia e Síria
Notícias ao Minuto

13:14 - 09/02/23 por Lusa

Economia Fitch

De acordo com a consultora, estas perdas económicas provavelmente "ultrapassarão os dois mil milhões de dólares (1,86 mil milhões de euros)" e "poderão chegar a quatro mil milhões de dólares (3,72 mil milhões de euros) ou mais".

No entanto, os valores segurados são "muito inferiores, talvez em torno de mil milhões de dólares (928 milhões de euros)", afirmou a consultora, "devido à baixa cobertura de seguros nas regiões afetadas".

A empresa de avaliação de risco referiu que o Grupo de Seguros contra Catástrofes da Turquia (TCIP) foi criado após o terremoto de Izmit, em 1999, para cobrir danos causados por terramotos em edifícios residenciais em áreas urbanas.

A Fitch referiu, entretanto, que o TCIP não cobre perdas humanas, reivindicações de responsabilidade ou perdas indiretas, como interrupção de negócios. Além disso, a cobertura de seguro contra sismos é tecnicamente obrigatória ma Turquia, mas muitas vezes não é aplicada na prática. Como resultado, muitas propriedades residenciais não são seguradas, particularmente em muitas das áreas afetadas, onde o baixo rendimento familiar restringe a acessibilidade a estes seguros.

A cobertura de seguro nas partes afetadas da Síria provavelmente será igualmente baixa, principalmente devido aos efeitos económicos da guerra civil no país, que teve início em 2011.

A maioria dos pagamentos de seguros devido ao terramoto que atingiu os dois países será arcada por resseguradoras globais, de acordo com a Fitch.

Segundo os dados mais recentes, os terramotos, o primeiro com uma magnitude de 7,8 na escala aberta de Richter, e o segundo com 7,5, provocaram pelo menos 17.513 -- 14.351 na Turquia, segundo o vice-presidente turco Fuat Otkay, e 3.162 na Síria, de acordo com relatórios oficiais.

Leia Também: Número de mortos de sismo na Turquia e na Síria ultrapassa os 17.500

Recomendados para si

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório