Meteorologia

  • 27 JANEIRO 2023
Tempo
12º
MIN 6º MÁX 14º

Raio-X à fatura do supermercado: Pescada (já) encareceu 83% este ano

Agora, um cabaz de bens alimentares considerados essenciais custa 219,07 euros. 

Raio-X à fatura do supermercado: Pescada (já) encareceu 83% este ano
Notícias ao Minuto

14:34 - 09/12/22 por Notícias ao Minuto

Economia preços alimentos

O preço da pescada já custa mais 83% do que antes da guerra na Ucrânia, de acordo com a monitorização semanal de preços da DECO Proteste. Agora, um cabaz de bens alimentares considerados essenciais custa 219,07 euros

"Um quilo de pescada fresca custa agora 11,04 euros, mais 5,01 euros do que a 23 de fevereiro, véspera do início do conflito armado com a Ucrânia, data em que a DECO Proteste iniciou esta análise", revela a organização de defesa do consumidor.

Entre 23 de fevereiro e 7 de dezembro, o cabaz de bens alimentares essenciais aumentou 19,31% (mais 35,44 euros), custando agora 219,07 euros.

"O peixe e os laticínios são as categorias com os maiores aumentos entre 23 de fevereiro e 7 de dezembro, com subidas de 22,64% e 22,10%, respetivamente", pode ler-se. 

Contudo, "os aumentos têm-se feito sentir em todas as categorias alimentares analisadas".

"No mesmo período, os preços subiram também na carne (mais 21,12%), nas mercearias (mais 17,79%), nas frutas e legumes (mais 14,72%) e nos congelados (mais 10,62%)", pode ler-se. 

Leia Também: Novas ligações Portugal, Espanha e França só para hidrogénio em 2030

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sétimo ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório