Meteorologia

  • 05 JULHO 2022
Tempo
18º
MIN 17º MÁX 32º

KPMG multada em 3,9 milhões por falhas em auditoria à Rolls-Royce

A KPMG foi multada em 3,4 milhões de libras (3,9 milhões de euros) pelo regulador britânico por falhas numa auditoria à Rolls-Royce em 2010, após ter chegado a acordo com as autoridades por acusações de corrupção.

KPMG multada em 3,9 milhões por falhas em auditoria à Rolls-Royce
Notícias ao Minuto

13:47 - 24/05/22 por Lusa

Economia KPMG

O regulador Financial Reporting Council (FRC) indicou hoje que a KPMG não tinha gerido adequadamente os sinais de que a Rolls-Royce não estava a cumprir os requisitos legais em relação aos pagamentos de agentes na Índia.

Estes pagamentos foram averiguados numa investigação criminal à Rolls-Royce por parte do Gabinete de Fraudes Graves do Reino Unido, que resultou num acordo de 497 milhões de libras (581 milhões de euros) em 2017, indicou o jornal Financial Times.

Segundo o regulador, as denúncias de subornos e más práticas com recurso a intermediários comerciais eram generalizadas no momento da auditoria e a KPMG estava "bem ciente" disso.

Além da multa, a KPMG recebeu uma severa repreensão e foi-lhe ordenada uma revisão independente das suas práticas.

"É essencial que os auditores estejam cientes dos riscos do não cumprimento de leis e regulamentos por parte das empresas e conduzam o seu trabalho nessa área com cuidado", considera Claudia Mortimore, da FRC.

Em meados de maio, a KPMG já tinha sido multada em 14,4 milhões de libras, num acordo com a FRC por ter fornecido informações falsas ao regulador no âmbito da falência do grupo Carillion em 2018.

Leia Também: ONG denuncia russos "próximos de Putin" por possíveis ganhos ilícitos

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório