Meteorologia

  • 20 OUTUBRO 2020
Tempo
18º
MIN 17º MÁX 20º

Edição

"Saímos deste congresso fortalecidos", destaca Isabel Camarinha

A secretária-geral da CGTP, Isabel Camarinha, considerou hoje que a Intersindical saiu fortalecida do congresso que terminou esta tarde no Seixal e com abertura para dinamizar a unidade na ação e intensificar a luta pelos direitos dos trabalhadores.

"Saímos deste congresso fortalecidos", destaca Isabel Camarinha
Notícias ao Minuto

20:59 - 15/02/20 por Lusa

Economia CGTP

"Saímos deste congresso fortalecidos, com grande e genuína abertura para dinamizar a unidade na ação, com todos os que trabalham no nosso país, sejam eles de que nacionalidade forem, tenham que credo religioso tenham e mesmo os que não têm nenhum, votem em que partido votarem", afirmou a nova líder da CGTP no encerramento do XIV Congresso da Intersindical que a elegeu como secretária-geral.

Isabel Camarinha prometeu "intensificar a ação reivindicativa e a luta" para concretizar as prioridades da CGTP, como o aumento dos salários, considerando que as opções do Governo no Orçamento do Estado para 2020 (OE2020) "adiam a resposta aos problemas estruturais do país".

Apesar de admitir que houve a inclusão de "medidas positivas" durante a discussão na especialidade do OE2020, a líder da intersindical sublinhou, contudo, que essas medidas vão exigir "ação e luta para que se concretizem".

A líder sindical avisou que a CGTP não se vai "acomodar" no que respeita às normas "gravosas" da legislação laboral e que o Governo pode contar com "toda a determinação" dos trabalhadores nesse combate.

"Contem, isso sim, com a nossa luta, com a nossa mobilização, com o nosso inconformismo, que dão suporte a esta confiança na mudança possível e necessária", afirmou Isabel Camarinha, arrancando fortes aplausos dos congressistas.

Sobre o acordo de competitividade e rendimentos que está a ser discutido na Concertação Social, a nova secretária-geral considerou que "é mais um pacote de mundos e fundos para as empresas, um conjunto de regras vagas com o objetivo de garantir ao patronato a contenção salarial".

Isabel Camarinha estará pela primeira vez na Concertação Social na segunda-feira, que vai reunir os parceiros sociais no âmbito da preparação do Conselho Europeu extraordinário.

A nova líder sindical foi hoje eleita secretária-geral da CGTP com 115 votos favoráveis que recebeu dos 147 elementos do Conselho Nacional da central sindical.

A eleição foi realizada durante a madrugada, após a eleição do Conselho Nacional, no âmbito do XIV Congresso da CGTP, que decorreu durante dois dias no Seixal.

A nova líder da maior central sindical do país recebeu ainda 25 votos brancos e um nulo.

Foi ainda eleita a nova comissão executiva da CGTP, com 134 votos a favor e nove brancos.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório