Meteorologia

  • 10 DEZEMBRO 2018
Tempo
15º
MIN 13º MÁX 16º

Edição

"Teria sido possível ir mais longe" no OE2019

A UGT considerou que o Orçamento do Estado para 2019 (OE2019), hoje aprovado, é insuficiente para os trabalhadores, porque não responde às expectativas criadas pelo Governo.

"Teria sido possível ir mais longe" no OE2019
Notícias ao Minuto

17:31 - 29/11/18 por Lusa

Economia UGT

Esta posição foi assumida numa resolução aprovada pelo Secretariado Nacional da UGT, que se reuniu em Seia.

No documento, a central sindical manifestou a convicção de que "teria sido possível ir mais longe".

"Este é um OE que, contendo muitas medidas que merecem a nossa concordância, como por diversas vezes já tivemos oportunidade de o afirmar, foi elaborado e discutido num contexto económico e orçamental que tem conhecido progressos significativos, mas em que as expectativas dos trabalhadores, tendo sido colocadas em alta pelo próprio Governo, estão ainda longe de ser respondidas", afirmou a UGT na resolução.

A central sindical reafirmou que o OE2019 deveria ter reforçado os níveis de investimento público, para garantir "a manutenção da rota de um crescimento sustentado da economia e do emprego".

"Pelo que não se entende a manutenção de níveis insustentáveis de carga fiscal sobre os rendimentos do trabalho e um controlo orçamental apertado à custa das condições de trabalho e da valorização dos funcionários públicos", considerou.

A UGT considerou positiva a decisão do parlamento no sentido de serem retomadas as negociações relativas à contagem integral do tempo de serviço dos professores e restantes carreiras especiais da administração pública.

A resolução sindical reafirmou ainda a necessidade de serem garantidos a todos os funcionários públicos aumentos salariais reais e a valorização das suas carreiras.

A valorização da negociação coletiva e o aumento do salário mínimo nacional (SMN) foram também defendidos no documento.

A UGT reafirmou que é possível ir além dos 600 euros garantidos pelo Governo para o SMN a partir de janeiro e que tudo fará para que se chegue aos 615 euros.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhoras dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório