Meteorologia

  • 17 JUNHO 2024
Tempo
19º
MIN 16º MÁX 22º

Benfica vence em Braga e sagra-se tricampeão nacional feminino de andebol

O Benfica sagrou-se hoje tricampeão nacional de andebol feminino após vencer fora o ABC de Braga por 29-25, num jogo da nona e penúltima jornada da fase final do campeonato disputado em Braga.

Benfica vence em Braga e sagra-se tricampeão nacional feminino de andebol
Notícias ao Minuto

21:51 - 18/05/24 por Lusa

Desporto Andebol

Após a vitória obtida na passada quarta-feira em Vila Nova de Gaia, em jogo em atrasado com o CJ Almeida Garrett, o Benfica voltou à liderança da prova, somando 49 pontos, mais dois do que o segundo classificado, o Madeira SAD, e por isso foi para este jogo bem colocado para conquistar o título nacional.

As diferenças entre benfiquistas e bracarenses ficaram claras desde muito cedo e só nos minutos iniciais é que houve equilíbrio no marcador (1-1, 2-2 e 3-3), porque depois o Benfica foi-se distanciando e deixando para trás a equipa bracarense.

As 'encarnadas' apontaram quatro golos sem resposta depois do 3-3 e vincaram desse modo a sua superioridade e o seu favoritismo para este encontro, ficando, assim, mais próximas do cobiçado tricampeonato nacional.

O ritmo imposto pela equipa 'encarnada' durante a primeira parte revelou-se um problema para o qual o ABC não teve solução, apesar da réplica aguerrida que a equipa bracarense procurou sempre dar, sendo de salientar a capacidade rematadora e goleadora da sua lateral direita, Naide Gonçalves.

Sem tirar o pé do acelerador, o Benfica dominou e foi para o intervalo com uma vantagem de oito golos no marcador (11-19) beneficiando da qualidade do seu plantel, das suas rápidas transições defesa-ataque e do seu poderio físico.

A segunda parte abriu com o Benfica dominador e a manter o seu adversário distante, mas isso começou a mudar tanto pela reação do ABC, com a sua guarda-redes, Rita Guimarães, a dar o mote com algumas grandes intervenções, quanto pelos erros que as campeãs nacionais cometeram.

Naide Gonçalves, que foi a melhor marcadora do jogo, com 10 golos apontados, continuou a ser um problema para o Benfica e o encontro acabou por se tornar equilibrado.

O Benfica perdeu o fulgor ofensivo da primeira parte e o ABC de Braga subiu de produção e de confiança, mostrando-se mais seguro na defesa e melhor também no seu processo atacante.

A resposta bracarense permitiu à equipa reduzir a desvantagem (19-24), mas o Benfica tinha o jogo controlado e passou então o resultado para um confortável 20-28.

A partir daí, as 'encarnadas' aparentaram ansiedade e nervosismo e o ABC aproveitou, aproximou-se de novo no marcador e acabou até por marcar mais golos na segunda parte (14) do que o Benfica (10), mas foi curto para evitar a derrota e impedir o Benfica de festejar já hoje a conquista de mais um título nacional.

Jogo no Pavilhão Flávio Sá Leite, em Braga.

ABC -- Benfica, 25-29

Ao intervalo: 11-19.

Com arbitragem de Dimas Carvalho e António Almeida, as equipas alinharam e marcaram:

- ABC (25): Rita Guimarães, Maria Pico (1), Maria Pinho, Maria Mirra Ferreira (1), Maria Pinto, Naide Gonçalves (10) e Margarida Cardoso (7). Jogaram ainda: Inês Laranjeira (3), Ester Marques (3), Joana Pissarra e Rosa Gonçalves.

Treinador: Fernando Fernandes.

- Benfica (29): Isabela Ferrarin, Maria Santos (2), Maria Unjanque (5) Constança Sequeira (4), Sabryne Sousa (1), Alexandra Shunu (3) e Ana Bolzan (5). Jogaram ainda: Mihaela Minciuna (2), Mariana Costa, Adriana Lage (1), Margarida Oliveira (1), Anaa Silva (2), Joana Semedo (3), Madalena Pereira e Lea Zetovic.

Treinador: João Florêncio.

Leia Também: O momento pelo qual o Sporting tanto esperou na festa frenética do título

Recomendados para si

;

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório