Meteorologia

  • 15 JUNHO 2024
Tempo
22º
MIN 14º MÁX 22º

Neuer 'culpa' relvado após 'frango' no Real Madrid-Bayern: "Havia algo"

Guarda-redes alemão aguentou a vantagem da sua equipa até aos 88 minutos, altura em que acabou por cometer um 'pecado' a dar o mote para a reviravolta dramática dos merengues.

Neuer 'culpa' relvado após 'frango' no Real Madrid-Bayern: "Havia algo"
Notícias ao Minuto

18:29 - 09/05/24 por Notícias ao Minuto

Desporto Liga dos Campeões

Para além das críticas de Thomas Tuchel à arbitragem que ditou a queda do Bayern Munique no acesso à final da Liga dos Campeões, diante do Real Madrid (2-1), Manuel Neuer também se queixou do polémico lance anulado pelo árbitro antes de ver a bola entrar na baliza (seria o 2-2) já depois de ter 'justificado' o 'frango' no golo do empate dos merengues.

“Devo dizer que esperava a bola de uma forma diferente, mais para o peito. Subiu um pouco mais e eu não esperava que houvesse uma pequena ‘molécula’ no relvado. Havia ali algo. É muito amargo ser eliminado desta forma, com o empate aos 88 minutos. Já só víamos a final, não há palavras", começou por dizer em declarações citadas no AS.

“Lance de De Ligt? O árbitro deixou-se contagiar ao arbitrar um jogo no Santiago Bernabéu. Ele tem que ser fiel a si mesmo. Isso não pode acontecer a este nível”, apontou de seguida.

De referir que, pouco depois do empate assinado por Joselu, o espanhol trataria de apontar o tento da reviravolta já nos descontos, virando o jogo e a eliminatória para marcar encontro do Real Madrid com o Borussia Dortmund na final.

Leia Também: "Pavio curto". Casillas garante que não será treinador e explica o motivo

Leia Também: "Ícones". Dortmund já só pensa na Champions e recorda Cristiano Ronaldo

Recomendados para si

;

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório