Meteorologia

  • 21 OUTUBRO 2021
Tempo
21º
MIN 16º MÁX 23º

Edição

Boavista vence Paços de Ferreira e assume comando do Grupo C

O Boavista venceu hoje no reduto do Paços de Ferreira, por 2-1, recuperando de uma desvantagem ao intervalo, e ganhou vantagem para alcançar a 'final four' da Taça da Liga de futebol, em jogo do Grupo C.

Boavista vence Paços de Ferreira e assume comando do Grupo C
Notícias ao Minuto

23:00 - 23/09/21 por Lusa

Desporto Taça da Liga

João Pedro colocou o Paços de Ferreira na frente do marcador, aos 20 minutos, mas o Boavista logrou dar a volta ao resultado no segundo tempo, com tentos de Yusupha e Sauer, aos 58 e 73 minutos, respetivamente.

Paços e Boavista foram a jogo com 'onzes' alternativos, quase uma equipa inteira no caso dos pacenses, com o Vekic e Nuno Lima como estreantes absolutos entre as 10 alterações promovidas, e cinco novidades entre os 'axadrezados', na primeira vez do iraniano Alireza, um guarda-redes bem mais atarefado durante a primeira parte.

Apesar das muitas mexidas na equipa titular, o Paços foi sempre melhor do que o adversário, a quem apenas permitiu uma aproximação à baliza nos primeiros 45 minutos, conseguindo ter bola e volume ofensivo, sobretudo através da exploração das faixas laterais, com Uilton e, em especial, Juan Delgado em plano de evidência.

Após várias tentativas, o merecido e anunciado golo pacense surgiu aos 20 minutos, numa incursão de Juan Delgado, pela direita, concluída com o centro atrasado para o irreverente João Pedro receber na área, rodar e 'fuzilar' a baliza boavisteira, fixando o resultado ao intervalo.

João Pedro Sousa lançou o médio Sauer e o extremo Gorré na segunda parte e o Boavista subiu de rendimento, ganhando referências no meio campo (com um jogador capaz de ter bola e de a transportar) e no ataque (com um elemento mais agressivo), face a um Paços menos intenso e com alguns elementos a acusarem desgaste físico.

Mesmo sem ter criado grande perigo, o Boavista, agora com mais posse de bola e iniciativa, acabou por chegar ao empate aos 58 minutos, por Yusupha, de cabeça, após cruzamento de Filipe Ferreira da esquerda, numa jogada que os 'axadrezados' voltariam a repetir com o mesmo sucesso aos 73 minutos.

O defesa esquerdo, que também já representou os pacenses, teve liberdade para receber a bola na esquerda e cruzou para Sauer, com alguma felicidade, ganhar o ressalto à entrada da área e rematar colocado, batendo o desamparado Vekic.

Jorge Simão, que já tinha feito entrar Eustáquio e Lucas Silva, voltou a ir ao banco para lançar Luiz Carlos e Denilson, dois habituais titulares, mas o tempo já era curto e as quebras no ritmo aumentaram, com o Boavista a saber acalmar o jogo, conseguindo manter a preciosa vantagem até ao final do encontro.

Com este inesperado triunfo, sobretudo pela muito superior primeira parte dos pacenses, o Boavista ganhou vantagem no Grupo C e, em princípio, vai discutir com o Sporting de Braga a vaga na final a quatro da competição.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório