Meteorologia

  • 19 OUTUBRO 2020
Tempo
19º
MIN 16º MÁX 20º

Edição

Jesus já tem 'Ferrari'. Procura-se, agora, a 'gasolina' milionária

Encarnados já gastaram mais de 80 milhões de euros em reforços, e números prometem não ficar por aqui caso seja garantido o acesso à fase de grupos da Liga dos Campeões.

Jesus já tem 'Ferrari'. Procura-se, agora, a 'gasolina' milionária

O Benfica joga na terça-feira a cartada mais decisiva desta temporada ao entrar em campo frente ao PAOK para discutir uma vaga no play-off da Liga dos Campeões. Em jogo está muito mais do que uma passagem à próxima fase da prova naquele que será o primeiro teste ao "novo Benfica".

De regresso aos encarnados, ao serviço do qual conquistou 10 títulos de 2009/10 a 2014/15, Jorge Jesus terá pela frente aquele que será, provavelmente, um dos jogos mais importantes da época. Além de estar um passo mais próximo da fase de grupos, o Benfica terá de justificar o elevado investimento já realizado esta temporada para dotar o plantel de inúmeras alternativas para uma época que se prevê longa.

Foram já mais de 80 milhões de euros que o Benfica investiu nas chegadas de Darwin Nuñez, Pedrinho, Éverton Cebolinha, Waldschmidt, Gilberto, Vertonghan e Hélton Leite, num investimento milionário que promete não ficar por aqui caso o clube da Luz assegure a presença na fase de grupos da Liga dos Campeões, fase à qual chegará se eliminar na terça-feira os gregos do PAOK e mais tarde o Krasnodar, com um jogo na Rússia e outro em Lisboa.

Viagem a Salónica antes do 'carrasco' russo

Os vice-campeões nacionais nada podem ganhar em Salónica, mas uma derrota no Estádio Tomba, onde venceram nas três anteriores deslocações (1999/2000, 2013/14 e 2018/19), faz escapar a oportunidade de arrecadarem mais de 40 milhões de euros, fundamentais para equilibrar as contas depois de um verão de investimentos elevados.

Jorge Jesus, que está de regresso ao clube da Luz depois de uma aventura bem sucedida ao serviço do Flamengo, do qual saiu com o título de vice-campeão mundial após uma derrota frente ao Liverpool, precisa de ganhar o seu jogo 322 pelas águias para não deixar cair o maior objetivo financeiro da época e num encontro que se decide a apenas uma mão. Os encarnados não podem, assim, errar sob a pena de verem fugir os muitos milhões da Champions e contentarem-se com os 'tostões' da Liga Europa.

Em caso de vitória na Grécia, o Benfica jogará o acesso à fase de grupos da Liga dos Campeões diante do Krasnodar, de má memória para o futebol nacional depois de no ano passado ter eliminado o FC Porto, que este ano tem lugar garantido nessa fase. O primeiro jogo é na Rússia, em 22 de setembro, e o segundo na Luz, em 29 ou 30.

Encontro difícil depois de pré-época imaculada

Ainda assim, e para chegar ao confronto com os russos, o Benfica precisa de, primeiro, afastar o PAOK, orientado por um velho conhecido do futebol português Abel Ferreira. As águias chegam ao primeiro jogo oficial da época após seis triunfos nos seis jogos de pré-temporada - 4-1 ao Estoril Praia, 4-0 ao Belenenses SAD, 5-1 ao Farense, 2-1 a Bournemouth e Sporting de Braga e 2-0 ao Rennes -, mostrando algumas melhorias em relação ao futebol apresentado na última temporada, nomeadamente uma pressão alta e intensa.

No que toca aos reforços que deverão ir a jogo, Vertonghan e Éverton Cebolinha devem ser os únicos escolhidos pelo técnico amadorense. O belga, que chegou à Luz depois de ter terminado contrato com o Tottenham, pode fazer dupla com Rúben Dias no eixo defensivo, ao passo que o brasileiro, que ainda não mostrou todo o seu potencial, deverá surgir no lado esquerdo do ataque, posição ocupada de forma regular por Rafa Silva na época passada, na altura sob o comando de Bruno Lage e Nélson Veríssimo.

Em solo grego não se prevê um encontro fácil frente a uma equipa qie na época passada terminou o campeonato local na segunda posição e que nas fileiras conta com o ex-benfiquista Zivkovic já foi apresentado e pode ser opção para Abel Ferreira.

O encontro entre o Benfica e o PAOK realiza-se na terça-feira, a partir das 21h00 locais (19h00 em Portugal Continental), no Estádio Toumba, em Salónica, e terá arbitragem do alemão Felix Brych.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório