Meteorologia

  • 26 AGOSTO 2019
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

FC Porto - Não perca os últimos golos e lances polémicos

Mais vídeos

Sérgio Conceição 'dispara': "Nunca serei um problema para o FC Porto"

Treinador do FC Porto deixou o seu futuro nas mãos de Pinto da Costa.

Sérgio Conceição 'dispara': "Nunca serei um problema para o FC Porto"

Sérgio Conceição apresentou-se na sala de imprensa do FC Porto como o grande culpado da eliminação da terceira pré-eliminatória da Liga dos Campeões. Em declarações prestadas após o apito final do encontro com o Krasnodar, o treinador dos dragões lamentou o resultado e apontou o dedo à "intoxicação" que, na sua opinião, foi criada em torno da equipa.

Má entrada em jogo: É ingrato e cruel sofrer um golo aos 2 minutos. Falta de atenção. No segundo golo, estamos a atacar em procura do golo, e há uma transição do adversário. Não devemos sofrer esse segundo golo. E o terceiro golo surge no terceiro remate baliza, num lance em que o Alex Telles está fora. Aí fica difícil. Os jogadores reagiram de uma forma fantástica, fizemos uma segunda parte acima da média, muitas vezes com pouco discernimento, mas com a a convicção de que era possível dar a volta a uma primeira parte muito ingrata.

Impacto para o resto da época: A sintonia é total. O presidente sabe que está totalmente à vontade comigo para falar tudo o que é necessário. Cheguei aqui quando há quatro anos que o FC Porto não ganhava nada, e fomos campeões, ganhámos a Supertaça e chegámos às finais. O presidente está completamente à vontade. Se achar que nós, equipa técnica ou algum jogador que pode sair, é uma conversa que vamos ter em função do que será o melhor para o FC Porto num futuro próximo. Eu nunca serei um problema para o FC Porto.

Já estava entalado aqui há muito tempo… Aquilo que tem sido a intoxicação e o ambiente que têm criado ao FC Porto é inédito. Ando no futebol há muitos anos e isto foi incrível. Não foi por isso que perdemos hoje, foi por erros meus. Os meus jogadores deram uma resposta fantástica. Estou aqui com toda a força do mundo para, a partir deste resultado, ganhar títulos. Depende do que o presidente do FC Porto quiser para a equipa. Não é fácil, porque o lugar do FC Porto é na Champions, e vamos estar na Liga Europa. Não é o nosso lugar.

Falhas defensivas: Não acho que tenha havido apatia. Houve sim erros individuais. O plano A passava por dar o corredor central, metendo alguém nas costas da linha média adversária, neste caso o Nakajima. Na missão defensiva, estava mais protegida jogando muitas vezes atrás do Marega, e dando verticalidade a dois jogadores nas alas, como Luis Díaz e Corona. As coisas estavam pensadas de forma que sabíamos que íamos controlar o jogo em ataque posicional, com capacidade para ter bola, e, quando a tivéssemos, termos gente capaz de chegar na frente com perigo. O jogo foi preparado dessa forma. Os jogadores quiseram dar o melhor. Houve erros individuais durante o jogo, como há todos os dias erros da minha parte. Somos um grupo, assumo o meu erro, estou aqui a dar a cara como sempre. Se voltasse a fazer a equipa para o jogo, fazia exatamente da mesma forma.

Gestão do plantel: Não vê os treinos. Não, não posso [explicar].

Registe-se na Betano e aproveite o Bónus de 50% até 50€ no primeiro depósito! Jogue no Casino e ganhe Rodadas Grátis!

 

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório