Meteorologia

  • 23 ABRIL 2019
Tempo
12º
MIN 11º MÁX 12º

Edição

Gomes da Silva questiona tratamentos a Ana Gomes e Manuela Moura Guedes

Antigo vice-presidente concorda com os processos aplicados à eurodeputada, mas não entende porque é que a mulher de José Eduardo Moniz também não teve o mesmo caminho.

Gomes da Silva questiona tratamentos a Ana Gomes e Manuela Moura Guedes
Notícias ao Minuto

11:47 - 25/03/19 por Notícias ao Minuto 

Desporto Declarações

Depois de conformados os processos judiciais à eurodeputada Ana Gomes, Rui Gomes da Silva não entende por que razão a direção do Benfica não adoptou o mesmo tratamento a Manuela Moura Guedes, mulher de José Eduardo Moniz, vice-presidente do clube da Luz e administrador da SAD, que referiu na SIC que "ninguém toca em Luís Filipe Vieira porque é intocável".

"Só posso aplaudir a decisão do presidente do Benfica de processar a embaixadora [n.d.r. eurodeputada] Ana Gomes pelas suas afirmações! Só não percebo é porque não fez o mesmo perante o ataque pessoal e direto (de segunda feira passada, na SIC) de Manuela Moura Guedes, mulher do vice-presidente e administrador da SAD do Benfica, José Eduardo Moniz!", começou por escrever o antigo dirigente dos encarnados, na habitual crónica semanal no blogue 'Novo Geração Benfica'.

"Depois de ter ouvido a 'Procuradora' acusar o presidente do Benfica de ser um 'intocável' (com toda a conotação negativa dessa designação), a propósito da situação do Novo Banco (ex-BES), esperei pelos títulos dos jornais dos dias seguintes para saber se, ainda antes de Ana Gomes, ela seria alvo de um processo. E se, cumulativamente, se tinha divorciado do marido ou se tinha demitido dos cargos que ocupava na estrutura do Benfica!", acrescentou.

A finalizar, Rui Gomes da Silva deixou ainda uma 'farpa' a Luís Filipe Vieira e a José Eduardo Moniz. "Afinal nem processo, nem divórcio, nem demissão! Até agora porque não vejo diferença - no objetivo e no conteúdo - entre a declaração de uma e a afirmação de outra! Intocável quem?", questionou ainda, antes de comentar a extradição do 'hacker' Rui Pinto para Portugal.

"Rui Pinto, o hacker que o mundo do futebol teme, foi extraditado para Portugal, onde será julgado pelos crimes que cometeu! Uma grande oportunidade para o Benfica se ver ressarcido, pelo menos moralmente, de uma inadmissível, insustentável e ilegal violação da sua privacidade! Aproveitemos, então, essa oportunidade para continuar o combate pela transparência e pela verdade do futebol português! E - porque quem não deve, não teme - só teremos que 'cavalgar' o que se vier a passar nos próximos meses ou anos, em homenagem a essa transparência!", considerou.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório