Meteorologia

  • 22 ABRIL 2019
Tempo
11º
MIN 10º MÁX 13º

Edição

Sporting - Não perca os últimos golos e lances polémicos

Mais vídeos

Sporting viu agressão, Sp. Braga recorreu e CD despenalizou Raúl Silva

Defesa-central dos arsenalistas tinha sido punido com dois jogos de suspensão por suposta agressão a Acuña.

Notícias ao Minuto

18:27 - 12/03/19 por Notícias Ao Minuto 

Desporto I Liga

O Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol decidiu, esta terça-feira, retirar o castigo de dois jogos de suspensão e a multa de 765 euros que foram impostos a Raúl Silva no seguimento de um lance polémico no encontro entre Sporting de Braga e Sporting, a 17 de fevereiro.

Na altura, os leões avançaram com um requerimento de auto de flagrante delito junto da Comissão de Instrutores da Liga, alegando que o defesa-central dos arsenalistas havia agredido Marcos Acuña com uma cotovelada.

O Conselho de Disciplina avaliou as imagens televisivas e decidiu punir o jogador brasileiro, mas um recurso apresentado pela direção liderada por António Salvador ‘congelou’ este castigo até nova análise.

Agora, de acordo com o jornal Record, o organismo da Federação Portuguesa de Futebol acabou por absolver Raúl Silva, depois de ouvir os esclarecimentos prestados pela equipa de arbitragem (liderada por Jorge Sousa) e do VAR (liderada por Tiago Martins).

A decisão foi tomada por “unanimidade”, ao concluir que “nenhum dos agentes de arbitragem descortinou” com “o necessário grau de certeza, infração às leis de jogo por parte do jogador n.º 34 do Sp. Braga”.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório