Meteorologia

  • 06 JULHO 2020
Tempo
30º
MIN 19º MÁX 37º

Edição

Morreu pintor espanhol Juan Genovés, referência na transição democrática

A Arte espanhola perdeu hoje uma das suas referências, o pintor e artista gráfico Juan Genovés, figura-chave das artes plásticas que teve um papel central na transição democrática do país iniciada em 1975.

Morreu pintor espanhol Juan Genovés, referência na transição democrática
Notícias ao Minuto

11:42 - 15/05/20 por Lusa

Cultura Pintura

Juan Genovés, nascido em Valência em 1930, morreu aos 89 anos de idade, de causas naturais, num hospital de Madrid, segundo a imprensa espanhola.

O artista é conhecido por ter ajudado na renovação do panorama cultural espanhol nos anos do pós-guerra (1945) e pelo seu protagonismo durante a transição democrática iniciada depois da morte do ditador Francisco Franco em 1975.

A arte de Juan Genovés caracterizava-se pelo seu "realismo social" e pelas suas pinturas de multidões, sendo conhecido pela obra 'O Abraço' (1976), uma pintura da coleção do Museu Rainha Sofia, em Madrid, que foi criada para ser reproduzida num cartaz da Amnistia Internacional, durante a transição democrática.

Mais tarde a obra tornou-se numa escultura que está na Praça Antón Martín, em Madrid, em homenagem aos advogados do trabalho assassinados em Atocha.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório