Meteorologia

  • 25 JANEIRO 2020
Tempo
MIN 8º MÁX 14º

Edição

Paulinho da Viola atua em maio em Portugal

O cantor e compositor brasileiro Paulinho da Viola vai atuar no Porto e em Lisboa, onde vai apresentar '50 anos de sucesso' celebrando o cinquentenário da canção 'Foi um rio que passou em minha vida'.

Paulinho da Viola atua em maio em Portugal
Notícias ao Minuto

18:00 - 15/01/20 por Lusa

Cultura Paulinho da Viola

O músico atua no dia 27 de maio na Casa da Música, no Porto, e dois dias depois, em Lisboa, no TivoliBBVA, foi hoje divulgado.

"Foi um rio que passou em minha vida" é um dos êxitos de Paulinho da Viola, nome artístico de Paulo César Batista de Faria, nascido há 77 anos no Rio de Janeiro.

"Foi um rio que passou em minha vida", canção que deu a conhecer o músico, foi estreada em 1970 na Feira Mensal da Música Popular Brasileira (MPB), da TV Tupi, numa homenagem do artista à sua escola de samba, a Portela, que ainda a interpreta antes do início dos desfiles carnavalescos na Marquês de Sapucaí, no Rio de Janeiro.

A estreia de Paulinho da Viola em Portugal data de 1981, a convite do ex-semanário de espetáculos Se7e. Em 2000 regressou, por ocasião das Festas de Lisboa, num espetáculo em Belém, que contou com as participações de Dona Ivone Lara, da dupla de chorões Zé da Velha & Silvério Pontes e do grupo cabo-verdiano Simentera.

Em comunicado o músico escreve: "Estou ansioso para estas apresentações. Ouço dos demais músicos brasileiros há uma grande recetividade por parte do público português. Apesar de já ter algum tempo que não me apresento em Portugal, estive há três anos em Lisboa a passeio com a minha mulher, e foram dias muito agradáveis".

O sambista do bairro carioca de Botafogo refere o seu "especial apreço por Amália Rodrigues e Argentina Santos", e recorda "a honra" que teve de apresentar-se no mesmo dia e palco de Amália, em Itália, em 1972, "quando a viu retornar 11 vezes ao palco aclamada pelo público".

Argentina Santos, falecida em novembro último, ouviu-a, em privado, na sua casa de fados, depois das portas fechadas, na companhia do fadista Carlos do Carmo.

Na Casa da Música e no TivoliBBVA, Paulinho "trará o melhor dos 55 anos de carreira, distribuídos em 20 álbuns, incluindo grandes sucessos como 'Timoneiro', 'Coração Leviano', 'Pecado Capital', 'Dança da Solidão', 'Argumento', 'Eu Canto Samba', 'A Voz do Povo', 'Sinal Fechado', e 'Foi um rio que passou em minha vida'".

Paulinho da Viola é acompanhado dos músicos Beatriz Rabello (coros) e João Rabello (violão), seus filhos, e ainda Adriano Souza (teclado), Celsinho Silva (pandeiro e percussão), Ricardo da Costa (bateria), Dininho Reis (baixo) e Marcos Esguleba (percussão).

A atuação em Portugal faz parte de uma digressão europeia de Paulinho da Viola, que inclui França.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório