Meteorologia

  • 25 FEVEREIRO 2024
Tempo
14º
MIN 13º MÁX 18º

Certificados de Aforro? Rio ironiza e diz que houve "cedência à banca"

O ex-líder do PSD, que ainda não tinha comentado o tema polémico, junta-se assim ao coro de críticas à decisão do Governo. 

Certificados de Aforro? Rio ironiza e diz que houve "cedência à banca"
Notícias ao Minuto

08:37 - 22/06/23 por Notícias ao Minuto

Política Certificados de Aforro

Rui Rio criticou a decisão de encerrar a série E dos certificados de aforro, lançando nova série com juro mais baixo, dizendo, numa publicação na rede social Twitter, que "mesmo que os portugueses estejam disponíveis para comer gelados com a testa e acreditem que não houve cedência à banca", por que razão "não lançaram, então, novos títulos de dívida pública com uma configuração diferente da sua maturidade, mas com uma taxa bruta melhor que os 2,5%?"

O ex-líder do PSD, que ainda não tinha comentado o tema polémico, junta-se assim ao coro de críticas à decisão do Governo. 

Recorde-se que a suspensão da série E, e a sua substituição pela nova, gerou várias críticas da oposição, nomeadamente o BE e o PCP, que acusam o Governo de ceder ou fazer um favor aos bancos.

A acusação foi rejeitada pelo secretário de Estado das Finanças, João Nuno Mendes, numa declaração aos jornalistas, no sábado, em que respondeu às críticas e afirmou que "houve cedência zero a banca".

Os comunistas pediram a audição do secretário de Estado João Nuno Mendes na Assembleia da República.

Leia Também: Certificados de aforro. "Influência da banca foi zero", diz o Governo

Recomendados para si

;
Campo obrigatório