Meteorologia

  • 03 DEZEMBRO 2022
Tempo
MIN 8º MÁX 12º

"Discurso anticorrupção é areia para os olhos dos pobres", alerta Joacine

A deputada não inscrita defendeu que este discurso "reforça as pretensões neofascistas" e que "é preciso ter cuidado". Joacine Katar Moreira recomenda que os partidos de esquerda apostem em outras prioridades como o "aumento do salário mínimo" ou o investimento no Serviço Nacional de Saúde (SNS).

"Discurso anticorrupção é areia para os olhos dos pobres", alerta Joacine
Notícias ao Minuto

16:26 - 30/08/21 por Notícias ao Minuto

Política Joacine Katar Moreira

Joacine Katar Moreira considerou, esta segunda-feira, que o "discurso anticorrupção é areia para os olhos dos pobres".  

"O discurso anticorrupção reforça as pretensões neofascistas e é preciso ter cuidado com isso, e as sondagens para as legislativas provam-no", defendeu a deputada não inscrita eleita pelo Livre, em várias mensagens partilhadas na sua página oficial do Twitter. 

Ainda a propósito do tema, Joacine Katar Moreira lamentou que "alguma esquerda se tenha posto nesse lugar onde se meteu com barulho estridente o Chega".

"O Chega imita os seus comparsas neofascistas fingindo-se antissistema, mas sem nunca atacar os poderosos e as estruturas que são quem são e estão no sistema. Fazem-se de justiceiros quando estão envolvidos em esquemas, para saciar a legítima sede de justiça das pessoas", argumentou. 

Por fim, a parlamentar sugere que se fale "do aumento do salário mínimo, de creches públicas, do SNS, da educação e da isenção de propinas para vermos se a direita e sua extrema se preocupam com as pessoas comuns".

Justificando assim que "o discurso anticorrupção nunca será" o seu, é de referir que estes comentários foram publicados em resposta a um utilizador que escreveu, também na mesma rede social, que os "paladinos anticorrupção são todos bandidos", referindo-se à eleição de Collor de Mello e Jair Bolsonaro para a presidência brasileira, e horas após o secretário-geral do PS António Costa ter prometido continuar a lutar contra a corrupção no país, durante o 23.º congresso dos socialistas, que decorreu este fim de semana, em Portimão. 

Leia Também: "Tempo de férias é também tempo de desigualdades profundas"

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório