Meteorologia

  • 28 JULHO 2021
Tempo
19º
MIN 18º MÁX 29º

Edição

Deputado do PSD questiona Governo sobre turma com 7 professores em 3 anos

O deputado do Partido Socialista (PS) Pedro de Sousa questionou hoje o Governo sobre a situação de uma turma do 3.º ano da Escola Básica da Praia, em Matosinhos, que, em três anos, já teve sete professores.

Deputado do PSD questiona Governo sobre turma com 7 professores em 3 anos
Notícias ao Minuto

18:31 - 16/05/21 por Lusa

Política Matosinhos

Numa pergunta enviada ao Ministério da Educação, o socialista interrogou "quais as diligências tomadas e a tomar para que casos análogos não se repitam".

Na quarta-feira, um grupo de pais de alunos do 3.º ano da Escola Básica da Praia, em Leça da Palmeira, Matosinhos, no distrito do Porto, pediu uma "solução urgente" para a "constante substituição de professores" na turma que, em três anos, já teve sete docentes.

Ao longo destes três anos, os 24 alunos desta turma já tiveram sete professores, na sequência de sucessivas substituições devido a pedidos de baixas médicas por parte dos mesmos, contou à Lusa a mãe de um aluno.

Também na quarta-feira, e contactado pela Lusa, o Ministério da Educação adiantou que, de acordo com a direção da escola, após situações de baixas médicas e recusas do horário, o lugar está novamente a concurso para colocação de docente.

"Todavia, a escola tem diligenciado para que o horário letivo da turma tenha sido sempre assegurado através da afetação de docentes que se encontravam em coadjuvação, o que continua a suceder", reforçou.

Por seu lado, o diretor do Agrupamento de Escolas Eng.º Fernando Pinto de Oliveira revelou que esta situação se deve ao facto dos professores titulares ficarem doentes e ser necessário substituí-los.

Leia Também: Pais pedem solução para turma com sete professores em 3 anos

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório