Meteorologia

  • 13 ABRIL 2021
Tempo
16º
MIN 14º MÁX 21º

Edição

"Onde está o PS?", pergunta Alegre. "Está onde está a Ana Gomes"

O histórico socialista Manuel Alegre perguntou "afinal onde está o PS" nas eleições presidenciais, mas respondeu hoje que "está onde está" a candidata Ana Gomes, considerando que é a única candidatura que representa a "esquerda democrática".

"Onde está o PS?", pergunta Alegre. "Está onde está a Ana Gomes"
Notícias ao Minuto

23:09 - 21/01/21 por Lusa

Política Presidenciais

"Ao contrário do nosso amigo Ferro Rodrigues, não digo que esta eleição não é entre a esquerda e a direita, é sim senhor, uma eleição implica sempre uma escolha não só entre pessoas, mas visões e projetos políticos diferentes", afirmou o antigo deputado.

Manuel Alegre, que participou hoje, via redes sociais, no único comício da campanha de Ana Gomes, que decorre maioritariamente online com dez oradores, defendeu também que não é indiferente apoiar um dos três candidatos da esquerda, posição assumida pela Juventude Socialista, considerando que "o voto socialista só pode ser o voto em Ana Gomes".

"Há dias perguntei: mas afinal onde é que está o PS? O PS está com quem não desvalorizou a eleição presidencial, nem baixou os braços perante um candidato anunciado com vencedor, nem perante uma candidatura de extrema-direita direita que prega o ódio", afirmou.

"O PS está onde está a Ana Gomes", reforçou.

O histórico socialista reconheceu que a militante socialista "é incómoda e inconformista", mas considerou que tal é positivo para o país.

"Nesta hora tão difícil para todos nós, Portugal precisa de quem não se conforme, e isso é uma diferença entre candidato anunciado como vencedor e a Ana Gomes", afirmou, dizendo que a antiga eurodeputada, que já foi "politicamente muito incorreta", pode "abanar a indiferença".

O único comício da campanha de Ana Gomes - quase exclusivamente online devido às restrições da pandemia - realizou-se a partir do Coliseu do Porto, onde estiveram presencialmente, além da candidata, o atual presidente do Conselho Económico e Social Francisco Assis e o deputado do PS Tiago Barbosa Ribeiro, que falaram a partir de um púlpito e perante uma sala apenas com alguns jornalistas.

À distância, entraram no comício Isabel Soares, mandatária nacional e filha do fundador do PS Mário Soares, o histórico socialista Manuel Alegre, o ex-ministro do Trabalho Paulo Pedroso e a deputada do PAN Bebiana Cunha, bem como a dirigente do Livre Isabel Mendes Lopes, entre outros, num total de dez oradores.

[Notícia atualizada às 06:28]

Leia Também: 'Geringonça' ficou aquém das expectativas e resume-se a mercearia

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório