Meteorologia

  • 21 JUNHO 2019
Tempo
16º
MIN 15º MÁX 17º

Edição

Governo acusado de promover campanha "vil e deliberada" contra a Madeira

O Conselho Regional do PSD/Madeira acusou hoje o Governo da República, liderado pelo socialista António Costa, de promover uma campanha "vil e deliberada" contra a região autónoma, ao adiar "algumas questões relevantes".

Governo acusado de promover campanha "vil e deliberada" contra a Madeira
Notícias ao Minuto

14:20 - 27/04/19 por Lusa

Política PSD Madeira

"A República está a fomentar uma política separatista", declarou o porta-voz do Conselho Regional social-democrata, Paulo Fontes, vincando a "falta de solidariedade em relação à Madeira" e a "utilização do Estado" pela esquerda e pelo PS para "fins político-partidários".

Esta foi uma das conclusões da reunião deste órgão do PSD, que decorreu na cidade de Santa Cruz, zona leste da Madeira.

Entre os assuntos que os social-democratas consideram que estão a ser "bloqueados e protelados" com a "cumplicidade de emissários locais", contam-se a construção do novo hospital da Madeira, orçado em 340 milhões de euros, e a redução das taxas de juro da dívida da região autónoma.

O Conselho Regional manifestou, por outro lado, toda a sua confiança na candidata do PSD/Madeira às eleições europeias e atual eurodeputada, Cláudia Monteiro de Aguiar, vincando que "reúne as melhores condições" para representar a região.

Os sociais democratas expressaram também "todo o seu apoio e confiança" ao presidente da Comissão Política e atual chefe do executivo madeirense, Miguel Albuquerque, como candidato às eleições regionais de 22 de setembro.

"Enaltecemos toda a estratégia que tem vindo a ser desenvolvida pelo atual Governo Regional, para a melhoria das condições de vida dos madeirenses, o que é notório nos principais indicadores económicos e sociais e, sobretudo, no crescimento da economia e na descida da taxa de desemprego", disse o porta-voz.

O Conselho Regional voltou a "condenar" e a "repudiar" a "prática abusiva" por parte da TAP nos preços das passagens aéreas, considerando que se mantêm "extremamente elevados" nas viagens entre a Madeira e o continente português.

Por outro lado, enalteceu o cumprimento pelo Governo Regional das promessas assumidas, destacando a redução dos preços dos passes sociais e da redução do valor das creches, bem como a recuperação integral do tempo de serviço congelado dos professores e o acordo para de descongelamento das carreiras dos enfermeiros.

Entre as 10 conclusões do Conselho Regional do PSD, que foram aprovadas por unanimidade, destaca-se ainda o voto de pesar face ao acidente ocorrido com um autocarro de turismo no dia 17 de abril, no Caniço, que provocou 29 mortos, todos de nacionalidade alemã.

"Reconhecemos e louvamos, a este propósito, a excelente articulação e coordenação entre todas as entidades regionais e locais, a competência e a eficácia de todos os meios envolvidos na operação de socorro e resgate das vítimas, assim como o tratamento e o apoio às mesmas", afirmou Paulo Fontes.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório