Meteorologia

  • 16 NOVEMBRO 2018
Tempo
11º
MIN 11º MÁX 12º

Edição

BE diz ter conseguido antecipação da idade de reforma para os pedreiros

O deputado José Soeiro, do Bloco de Esquerda, disse hoje à Lusa que o Orçamento do Estado de 2019, por proposta do partido, prevê a equiparação dos pedreiros ao atual regime dos mineiros, antecipando a idade da reforma.

BE diz ter conseguido antecipação da idade de reforma para os pedreiros
Notícias ao Minuto

20:01 - 15/10/18 por Lusa

Política José Soeiro

"Trata-se de uma elementar questão de justiça", assinalou, recordando que as pessoas que trabalham naquele setor, assim como os mineiros, apresentam um desgaste rápido, sofrendo de várias doenças, sobretudo respiratórias.

Na prática, explicou o deputado, o novo regime permitirá aos trabalhadores das pedreiras reduzir em um ano a sua idade de reforma a cada dois anos de descontos.

O deputado desloca-se hoje a Peroselo, Penafiel, para explicar as mudanças a um grupo de trabalhadores do setor que subscreveu duas petições que exigiam a antecipação da idade da reforma.

Em 2016, a coordenadora do BE também se reuniu, na localidade, com aqueles trabalhadores, aos quais prometeu o empenho do seu partido na luta pela antecipação da idade de reforma, considerando ser uma reivindicação justa.

Nos concelhos de Penafiel e Marco de Canaveses, no distrito do Porto, localiza-se o maior polo do país de extração e transformação de granito, que dá emprego a alguns milhares de trabalhadores.

Naquele território, centenas de pessoas ligadas ao setor enfrentam há décadas problemas de saúde decorrentes da sua atividade profissional, por estarem sujeitos nomeadamente à inalação do pó resultante da transformação do granito. É também ali que se encontra a maior concentração de casos de tuberculose, de acordo com dados oficiais.

A medida hoje anunciada pelo BE, que vai abranger todo o território nacional, significa, segundo José Soeiro, que haverá trabalhadores daquele setor que se poderão aposentar após 32 anos e oito meses a exercer atividade, ou seja, com pouco mais de 50 anos de idade, uma vez que a maioria dessas pessoas começa a descontar ainda muito novas.

O deputado afirmou que em sede de regulamentação da norma, na especialidade, o Bloco de Esquerda vai exigir que os trabalhadores da transformação da pedra sejam também incluídos no mesmo regime dos da extração, porque, acentuou, sofrem dos mesmos problemas de saúde e de desgaste rápido.

O deputado diz haver em Portugal, atualmente, cerca de 5.000 trabalhadores nas empresas com licenças para extração de granitos.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório