Meteorologia

  • 19 NOVEMBRO 2018
Tempo
14º
MIN 13º MÁX 15º

Edição

Vigilantes e GNR apreendem armadilhas de caça em ações por todo o país

Vigilantes da natureza e GNR detetaram sete infrações e apreenderam 11 armadilhas de caça numa ação de sensibilização e fiscalização que decorreu em várias regiões do país, foi hoje anunciado.

Vigilantes e GNR apreendem armadilhas de caça em ações por todo o país
Notícias ao Minuto

15:15 - 26/05/17 por Lusa

País Autoridades

A ação juntou vigilantes do Instituto de Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) e o Serviço de Proteção da Natureza e do Ambiente (SEPNA) da GNR, e decorreu em parques naturais como o de Montesinho ou da Serra de São Mamede e nos concelhos de Alcoutim e Tavira, envolvendo 170 elementos.

Nos dois dias da ação, quarta e quinta-feira, foram abordadas 372 pessoas, detetadas sete infrações, feito um auto de notícia e apreendidas 11 armadilhas, segundo um balanço hoje divulgado pelo ICNF.

O objetivo, explica o instituto em comunicado, foi "promover a fiscalização e sensibilizar as populações locais através de uma atuação pedagógica e proativa, evidenciando a presença das entidades nos territórios e contribuindo para internalizar, nas populações, a valorização dos valores naturais".

A ação foi a primeira do género, em que as equipas do ICNF e da GNR atuaram em conjunto mas de uma forma "musculada", explicou o presidente do Instituto, Rogério Rodrigues.

E incidiu no "furtivismo e práticas ilegais de captura". Rogério Rodrigues disse à Lusa que o envenenamento, uma das práticas a que foi dada atenção no decorrer das ações, continua a existir, apesar de proibido.

"Muitas vezes as pessoas não sabem que elas mesmo correm risco de vida", até porque o animal envenenado pode "entrar" na cadeia alimentar e chegar ao homem, salientou.

Ações idênticas vão continuar ao longo do ano e destinam-se, como a de agora, a sensibilizar as populações para a questão do envenenamento ou captura ilegal de espécies protegidas, com laços por exemplo, mas também para questões ligadas ao turismo, incêndios ou atividades agrícolas, entre outras.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório