Meteorologia

  • 22 JULHO 2024
Tempo
20º
MIN 18º MÁX 38º

Apoio a Costa no CE? "Este empenho não é apenas por ele ser português"

O primeiro-ministro está na Gare de Orly, em Paris, França, para a inauguração do novo mural de Vhils.

Apoio a Costa no CE? "Este empenho não é apenas por ele ser português"

O primeiro-ministro Luís Montenegro está, esta quarta-feira, na Gare de Orly, em Paris, França, para a inauguração do mural 'Strates Urbaines', do artista português Alexandre Farto (Vhils) e falou (novamente) sobre António Costa.

Questionado sobre a reticência de alguns líderes europeus em aceitar o ex-primeiro-ministro como presidente do Conselho Europeu (CE), Montenegro ressalvou que "estamos fortemente empenhados, motivados e também otimistas relativamente à possibilidade de António Costa vir a desempenhar nos próximos dois anos e meio a função de presidente do CE".

"Quero reforçar que este empenho não é apenas por ele ser português. É por ser português, por ser um europeísta, portador de valores de respeito pela paz, pela democracia, pela solidariedade política e económica entre os Estados da União Europeia", destacou Montenegro, ressalvando que, apesar de ser um forte opositor dos governos de Costa, "os planos não se confundem".

"Os portugueses e as portuguesas deram, nas eleições europeias, uma votação expressiva que representa 15 dos 21 mandatos no Parlamento Europeu”, afirmou ainda, notando que "é do interesse do país e da Europa que possamos ter António Costa à frente do Conselho Europeu".

Relativamente ao encontro com o presidente Emmanuel Macron, Montenegro espera "abordar todo o contexto das relações bilaterais, que são multifacetadas".

"Há mais de um milhão de portugueses aqui em França, temos relações históricas, económicas e culturais que é importante desenvolver", destacou o primeiro-ministro.

Leia Também: "A seleção está forte. É uma equipa unida". Montenegro celebra em Leipzig

Recomendados para si

;
Campo obrigatório