Meteorologia

  • 23 JUNHO 2024
Tempo
27º
MIN 17º MÁX 30º

Região de Coimbra proíbe queimadas a partir de sábado

A Comunidade Intermunicipal da Região de Coimbra, que integra 19 municípios, proíbe a realização de queimas e queimadas a partir de sábado e até 30 de setembro, para prevenir incêndios rurais, foi hoje anunciado.

Região de Coimbra proíbe queimadas a partir de sábado
Notícias ao Minuto

11:31 - 30/05/24 por Lusa

País Incêndios

"Entre 01 de junho e 30 de setembro de 2024, está proibida a realização de queimas ou queimadas de amontoados nos 19 municípios da Comunidade Intermunicipal (CIM) da Região de Coimbra, de forma a prevenir a ocorrência de incêndios rurais", refere uma informação enviada à Lusa.

A CIM pede à população, "durante este período mais favorável à ocorrência de incêndios rurais", para "adotar métodos alternativos para a eliminação dos resíduos florestais e agrícolas, nomeadamente a trituração dos sobrantes ou o seu encaminhamento para centros de compostagem".

Segundo a CIM da Região de Coimbra, este tem sido um procedimento adotado, desde 2019, pelos 19 municípios que a integram, para "diminuir os riscos decorrentes do uso do fogo neste território".

Fazem parte da CIM da Região de Coimbra os municípios de Arganil, Cantanhede, Coimbra, Condeixa-a-Nova, Figueira da Foz, Góis, Lousã, Mealhada, Mira, Miranda do Corvo, Montemor-o-Velho, Mortágua, Oliveira do Hospital, Pampilhosa da Serra, Penacova, Penela, Soure, Tábua, Vila Nova de Poiares.

Leia Também: Municípios de Coimbra "proíbem queimas e queimadas" em período crítico

Recomendados para si

;
Campo obrigatório