Meteorologia

  • 19 JULHO 2024
Tempo
27º
MIN 19º MÁX 32º

Linha SNS24 reforçada após atender mais de 10 mil chamadas na 4.ª-feira

O ministério dá conta de que a linha do SNS24 atendeu 1.849.831 chamadas, das quais cerca de 30% são reencaminhadas para os Serviços de Urgência.

Linha SNS24 reforçada após atender mais de 10 mil chamadas na 4.ª-feira
Notícias ao Minuto

18:23 - 28/12/23 por Notícias ao Minuto

País Urgências

A Linha SNS24 está a implementar no final deste ano "medidas de reforço" para responder à elevada procura que tem ocorrido, sendo, este mês aquele que mais contactos recebeu durante o ano que termina daqui a alguns dias.

Segundo uma nota enviada pelo Ministério da Saúde ao Notícias ao Minuto, a linha, por avaliar e orientar os cidadãos em situação de doença aguda, recebeu 204.473 chamadas até quarta-feira, dia 27.

Esta reforço já tinha sido anunciado pelo ministro responsável pela pasta, Manuel Pizarro, que ontem referiu, entre agradecimentos aos médicos e apelos para que as pessoas também se dirigissem aos centros de saúde, que a capacidade de resposta desta linha estava a ser reforçada.

Dificuldades nos hospitais são "habituais" (e melhorias só em janeiro)

Há hospitais com mais de 12 horas de espera no atendimento, sobretudo na Região de Lisboa e Vale do Tejo. "Estamos a trabalhar", garantiu o responsável pela pasta da Saúde.

Teresa Banha com Lusa | 21:44 - 27/12/2023

Segundo a mesma nota, a linha recebeu no dia 26 deste mês 9.500 chamada - mais quatro mil do que no ano anterior - e, no dia seguinte, cerca de 10.200 ligações.

"Desde novembro que se verifica um crescimento de cerca de 7% no volume de atendimento semanal, tendo sido tomadas medidas de adaptação e dimensionamento", explicam os responsáveis do ministério, explicando também algumas das medidas de que falam.

"A integração de mais enfermeiros e psicólogos, a maximização das escalas, bem como reforço tecnológico no serviço de triagem e ainda a abertura, em breve, de mais dois centros de atendimento, em Faro e na Covilhã, são algumas das medidas implementadas", detalham.

O ministério garante que a linha se encontra "capacitada para o atendimento", ainda que durante algumas horas do dia se possa verificar uma "dilatação no tempo de espera" da linha. Os responsáveis estão "a adotar todas as medidas para responder de melhor forma aos utentes, a quem apelamos à melhor compreensão para algum constrangimento neste período".

"A linha SNS 24 atendeu 172.917 chamadas em outubro, 186.865 em novembro e 204.473 até dia 27 de dezembro. Este ano foram atendidas 1.849.831 chamadas, das quais cerca de 30% são reencaminhadas para os Serviços de Urgência", acrescentam.

O comunicado dá ainda conta de que também a aplicação e o site do NSNS24 disponibilizam disponibilizam serviços digitais e informações que podem ajudar o cidadão a esclarecer as suas dúvidas, nomeadamente os guias de saúde sobre gripe, gripe A e febre, entre outros disponíveis na página Info Saúde.

"A campanha de comunicação Melhor que achar é ligar 808 24 24 24 também procura sensibilizar, uma vez mais, para que os cidadãos liguem antes de recorrer aos serviços de saúde perante uma situação de saúde aguda e não emergente", recordam.

Leia Também: Doentes urgentes esperam em média mais de 7h em Lisboa esta tarde

Recomendados para si

;
Campo obrigatório