Meteorologia

  • 22 JUNHO 2024
Tempo
14º
MIN 14º MÁX 27º

Idoso de 95 anos que tentou matar mulher fica em preventiva

Um homem de 95 anos que tentou matar a mulher de 84 e ateou fogo à casa onde moravam na zona de Cascais ficou em prisão preventiva, indicou hoje a Procuradoria-Geral Distrital de Lisboa (PGDL).

Idoso de 95 anos que tentou matar mulher fica em preventiva
Notícias ao Minuto

15:59 - 16/03/23 por Lusa

País Cascais

Segunda a PGDL, o homem de 95 anos é suspeito dos crimes de homicídio qualificado, na forma tentada, e de incêndio, tendo sido ficado em prisão preventiva após ser apresentado, na passada segunda-feira, pelo Ministério Público, a primeiro interrogatório judicial.

A PGDL refere que o homem está "fortemente indiciado" de ter, na madrugada do dia 12 de março, agredido a mulher, de 84 anos, com várias pancadas na zona da cabeça, deixando-a prostrada e inconsciente no chão e, de seguida, com o auxílio de álcool, papel e materiais inflamáveis, ter ateado fogo à habitação, abandonando a vítima no seu interior.

"Só graças à rápida intervenção das autoridades policiais e dos serviços de emergência é que foi possível retirar a vítima do local, ainda com vida", indica ainda uma nota da PGDL.

De acordo com a Procuradoria-Geral Distrital de Lisboa, o inquérito corre termos no Departamento de Investigação e Ação Penal (DIAP) do núcleo de Cascais.

Leia Também: GNR localiza idoso desaparecido em Tomar. Estava "desorientado e cansado"

Recomendados para si

;
Campo obrigatório