Meteorologia

  • 27 MAIO 2022
Tempo
21º
MIN 16º MÁX 34º

Ponta Delgada vai manter ruas do centro histórico encerradas ao trânsito

A Câmara de Ponta Delgada vai manter as alterações ao trânsito que estiveram em vigor durante a quadra festiva, tornando efetivo o encerramento à circulação automóvel de várias ruas do centro histórico, anunciou hoje a autarquia.

Ponta Delgada vai manter ruas do centro histórico encerradas ao trânsito
Notícias ao Minuto

19:08 - 04/01/22 por Lusa

País Açores

Em comunicado de imprensa, o município presidido pelo social-democrata Pedro Nascimento Cabral anunciou que vai "manter em vigor as alterações ao trânsito implementadas durante a quadra festiva no centro histórico", que, inicialmente, estavam previstas vigorar até 02 de janeiro.

O objetivo, segundo o autarca, é promover uma "cidade verdadeiramente sustentável do ponto de vista ambiental, social e económico".

"Temos a ambição de promover uma cidade amiga do ambiente, que ofereça qualidade de vida e bem-estar aos seus cidadãos e com elevados padrões de atratividade do centro histórico para todos aqueles que optem por viver, trabalhar ou simplesmente visitar Ponta Delgada", afirmou Nascimento Cabral, citado em comunicado.

Em 03 de dezembro foi anunciado que, de 09 de dezembro até 02 de janeiro de 2022, a circulação automóvel estaria interditada em várias ruas do centro histórico de Ponta Delgada, tendo sido disponibilizados três autocarros gratuitos para fazer a ligação, aos sábados, entre os parques de estacionamento e o centro da maior cidade açoriana.

O presidente do maior município dos Açores anunciou hoje que a Câmara "vai promover o diálogo em parceria" com a Ordem dos Arquitetos para o "lançamento de um concurso de ideias destinado à requalificação do espaço urbano, agora definitivamente condicionado".

"A autarquia manifesta-se absolutamente convicta de que este é o caminho que temos de seguir para alcançarmos uma cidade com elevados padrões de qualidade de vida para quem nela vive e trabalha, atrativa para quem nos visita", assinala o comunicado.

Para o presidente da autarquia, "voltar atrás seria retroceder no caminho" que o executivo camarário pretende "percorrer e que assenta num projeto político que foi largamente sufragado pelos cidadãos de Ponta Delgada".

"Fomos eleitos para tomar decisões e estamos absolutamente convencidos de que este é o caminho que temos de seguir para não perdermos o desafio que a próxima década nos impõe", lê-se na nota de imprensa.

Pedro Nascimento Cabral, que foi eleito pela primeira vez nas últimas autárquicas de setembro de 2021, já tinha anunciado que o município não iria indemnizar "quem quer que seja" devido ao encerramento do trânsito em ruas do centro histórico da cidade açoriana durante a época natalícia.

Em 16 de dezembro, vários comerciantes criticaram à Lusa o encerramento de ruas de Ponta Delgada que, defenderam, afastou os clientes da baixa.

Antes, a 14 de dezembro, um grupo de 50 comerciantes do centro histórico de Ponta Delgada entregou à Câmara Municipal um abaixo-assinado a pedir a "reabertura imediata" das ruas encerradas ao trânsito no período festivo.

Em 30 de dezembro, a Câmara de Ponta Delgada anunciou que recebeu um abaixo-assinado subscrito por 230 pessoas a apoiar a decisão municipal de encerrar ao trânsito várias ruas do centro da cidade açoriana durante a quadra festiva.

Leia Também: Polícia Marítima ajuda a retirar água de barco de Pesca nos Açores

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório