Meteorologia

  • 07 DEZEMBRO 2021
Tempo
16º
MIN 13º MÁX 17º

Edição

Reformado alcoólico ameaçava vizinhos de morte em Amarante

Suspeito disparava nas traseiras da sua residência "injuriando e ameaçando de morte os vizinhos, causando desta forma alarme e inquietação social na população".

Reformado alcoólico ameaçava vizinhos de morte em Amarante

Um homem de 63 anos foi detido pelo Comando Territorial do Porto, através do Núcleo de Investigação e Apoio a Vítimas Específicas (NIAVE) de Penafiel, no dia 27 de abril, por posse ilegal de arma, no concelho de Amarante.

No âmbito de uma denúncia por violência doméstica e ameaças, é explicado numa nota da Guarda Nacional Republicana (GNR) a que o Notícias ao Minuto teve acesso, "os militares da Guarda apuraram que o suspeito, desde que se reformou, passou a consumir bebidas alcoólicas, adotando reiteradamente comportamentos violentos e intimidatórios na via pública contra a sua esposa e vizinhos".

Em várias ocasiões, o suspeito, "alcoolizado" e "munido com uma arma de fogo", efetuou "diversos disparos nas traseiras da sua residência, injuriando e ameaçando de morte os vizinhos, causando desta forma alarme e inquietação social na população", é referido. 

Tendo em conta os comportamentos ameaçadores e violentos, foi realizada uma busca domiciliária, "onde foi possível apreender uma arma de fogo sem documentação válida, uma arma branca e diversas munições".

O suspeito foi detido e presente a primeiro interrogatório onde lhe foram aplicadas as medidas de coação de proibição de adquirir ou usar armas de fogo ou armas brancas

Tem ainda de entregar, no posto policial da sua área de residência, todas as armas que possua e de se "sujeitar a tratamento à sua dependência alcoólica".

Leia Também: Amadora. Denúncias de violência doméstica reduziram 10% entre 2019 e 2020

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

;
Campo obrigatório