Meteorologia

  • 17 OUTUBRO 2021
Tempo
24º
MIN 17º MÁX 24º

Edição

"Vacinas não são pagas". Esteja alerta para burlas com a Covid-19

Guarda Nacional Republicana fez um aviso nas redes sociais acerca de pessoas que usam a vacina contra a Covid-19 para enganar os outros. Idosos são o principal alvo.

"Vacinas não são pagas". Esteja alerta para burlas com a Covid-19

A Guarda Nacional Republicana (GNR) recorreu, este fim de semana, às redes sociais para alertar os portugueses para burlas que estão a ocorrer, tendo por base a vacina da Covid-19. A autoridade recorda que "a vacinação não é administrada em casa" e que "as vacinas não são pagas".

Os idosos que vivem em zonas isoladas, acrescentam os militares, "são o principal alvo deste tipo de burla, com o objetivo de furtar ou roubar as poupanças de uma vida".

O método que usam é simples: "Os suspeitos tentam ganhar a confiança das vítimas, fazendo-se passar por profissionais de saúde que vão agendar a vacinação". As pessoas "acabam por ser vítimas de furto".

Assim, "se lhe baterem à porta para fazer um rastreio à Covid-19 ou à sua vacinação, desconfie e contacte a GNR". 

De lembrar que, para ser vacinado contra o novo coronavírus, será o Serviço Nacional de Saúde (SNS) ou a sua Junta de Freguesia a contactá-lo. "Nunca através de uma abordagem à sua porta"

Portugal somou, nas últimas 24 horas, mais 564 novos casos e 19 mortes relacionados com a Covid-19, indicou o boletim epidemiológico da DGS divulgado este sábado. No total, o país regista 813.716 infetados e 16.669 óbitos.

Leia Também: Sindicato de Médicos acusa Governo de propaganda sobre vacinação

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório