Meteorologia

  • 19 SETEMBRO 2020
Tempo
22º
MIN 18º MÁX 23º

Edição

Idoso já falecido pode estar na origem de surto em lar ilegal em Gondomar

Um idoso de 90 anos, que fazia hemodiálise e que faleceu na semana passada, terá estado na origem do surto de covid-19 num lar ilegal de Gondomar, disse hoje à Lusa o presidente da câmara, Marco Martins.

Idoso já falecido pode estar na origem de surto em lar ilegal em Gondomar

Vinte e um utentes e oito funcionários do lar Paródias e Ternuras, em Gondomar, testaram positivo à covid-19 depois de na sexta-feira à noite ter sido detetado o surto, havendo mais nove utentes que testaram negativo, informou o autarca.

"A origem terá sido um idoso do lar que fazia hemodiálise e faleceu na semana passada", disse Marco Martins, dando conta que a autarquia foi "informada hoje de manhã do surto e do resultado dos testes a que todos foram submetidos na segunda-feira".

Marco Martins informou ter reunido durante a tarde com "o Serviço Municipal de Proteção Civil, direção do lar, Segurança Social e com a delegação de saúde de Gondomar para definir estratégias e procedimentos".

"A direção do lar deu-nos nota de que já tinha feito a separação física dos positivos e dos negativos, tendo a câmara agilizado contactos entre o Centro de Emprego e o lar para tentar substituir o mais depressa possível os funcionários infetados", informou.

E prosseguiu: "a direção do lar indicou-nos já ter duas pessoas prontas para ir trabalhar e que foram fazer, entretanto, o teste da covid-19", polo que as próximas horas e quarta-feira de manhã, em termos de cuidadores, estão asseguradas".

A delegação de saúde de Gondomar, disse o autarca, "já começou a contactar as pessoas com quem os idosos que testaram positivo estiveram em contacto, e que residirão, pelo menos a maioria, em Valbom, para os colocar em isolamento, evitando o foco de propagação".

Marco Martins disse não ter recebido indicação da direção do lar de "sobrelotação", mas a garantia de "que fez a separação dos positivos dos negativos".

"O lar indicou-nos que tem o seu processo de licenciamento em curso", acrescentou de um equipamento que até à morte do idoso tinha 30 utentes.

A Lusa, no local, tentou uma reação dos proprietários do lar, mas não foi possível.

Portugal contabiliza pelo menos 1.875 mortos associados à covid-19 em 65.021 casos confirmados de infeção, segundo o último boletim da Direção-Geral da Saúde (DGS).

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório