Meteorologia

  • 14 DEZEMBRO 2019
Tempo
16º
MIN 12º MÁX 17º

Edição

Urgência pediátrica do Garcia de Orta volta a encerrar esta noite

Fecho repetiu-se por falta de médicos pediatras para cumprir a escala noturna, avança a TVI24.

Urgência pediátrica do Garcia de Orta volta a encerrar esta noite
Notícias ao Minuto

17:42 - 14/10/19 por Filipa Matias Pereira 

País Garcia de Orta

As urgências pediátricas do Hospital Garcia de Orta (HGO) voltaram a encerrar na noite desta segunda-feira. A informação avançada pela TVI24 dá conta de que na base deste encerramento está a falta de médicos pediatras para cumprir a escala noturna

Recorde-se que a urgência pediátrica do Hospital Garcia de Orta, em Almada, já encerrou entre as 20h00 de sábado e as 8h00 de domingo pelo mesmo motivo. 

Durante esse período acorreram aquele serviço dois utentes (pelas 3h00 e pelas 6h00), que foram informados para se deslocarem aos hospitais Santa Maria ou Dona Estefânia, em Lisboa.

O Conselho de Administração do HGO disse, no sábado, lamentar esta situação, mas assegurou que estão a decorrer "todas as diligências necessárias para ultrapassar as dificuldades", em articulação com a Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo e com a tutela.

Perante a situação, o bastonário da Ordem dos Médicos considerou que o encerramento da urgência pediátrica do Garcia de Orta na noite de sábado representou uma "falência do Ministério da Saúde e do Estado", que está há meses sem resolver a situação.

Também os pediatras do Hospital Garcia de Orta pediram a intervenção urgente da Ordem dos Médicos na situação do serviço de urgência, por considerarem que não há condições mínimas de segurança para os doentes em vários momentos.

Numa carta enviada ao bastonário dos Médicos no início deste mês, e a que a agência Lusa teve acesso, os pediatras do Garcia de Orta consideram que a situação que o serviço de urgência atravessa é grave e que se "deteriorou muito" no último ano, apesar dos vários alertas feitos em finais de 2018.

Em alguns dias, a equipa de urgência de pediatria é composta apenas por dois elementos, "não estando assim garantidas as condições mínimas de segurança para os doentes".

Também os médicos em formação de especialidade de pediatria no Garcia de Orta escreveram à Ordem a pedir ajuda para resolver o problema e a solicitar a "proteção dos internos".

"Temos assistido a uma degradação gradual e constante das condições de trabalho, da atividade assistencial e da atividade formativa do serviço por consequência direta das ações e decisões de entidades superiores, apesar dos esforços sobre-humanos dos elementos do serviço para protegerem os internos, o serviço e, acima de tudo, a qualidade dos cuidados prestados à população", refere a carta dos internos a que a Lusa teve acesso.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório