Meteorologia

  • 19 ABRIL 2019
Tempo
15º
MIN 13º MÁX 17º

Edição

"Condições degradantes" de casas da Câmara e verbas gastas em festas

A denúncia parte de José Morais, vereador do PS na Câmara de Vila Verde.

"Condições degradantes" de casas da Câmara e verbas gastas em festas
Notícias ao Minuto

11:00 - 13/03/19 por Filipa Matias Pereira 

País Vila Verde

"A Câmara [de Vila Verde] é um péssimo exemplo como senhorio". A denúncia parte do vereador do PS na autarquia, José Morais, que partilhou num vídeo no YouTube. 

A Câmara de Vila Verde é proprietária de um conjunto de habitações sociais que arrenda a famílias desfavorecidas e estas, reporta o vereador, "vivem em condições degradantes". 

Com recurso a imagens, José Morais detalha que "o teto [está] totalmente apodrecido, com bolor e esburacado. Sempre que chove pinga água no interior das casas". E há ainda "um pilar de ferro a segurar uma viga no telhado que estará partida". 

Considera ainda o vereador que "é incompreensível que a Câmara tenha habitações abandonadas há vários anos quando há várias famílias a precisar deste tipo de apoio".  

A vereadora com o pelouro da habitação é também alvo de duras críticas, sendo acusada de despender "todo o seu tempo a andar de festa em festa meses a fio". Eventos onde, aliás, de acordo com o autor do vídeo, são gastas "demasiadas verbas. Não se compreende que a Câmara, no jantar da gala 'Namorar Portugal', num só dia, gaste 90 mil euros, permitindo em simultâneo que famílias carenciadas vivam nestas condições. É urgente mudar as prioridades da Câmara de Vila Verde". 

Em reação a esta denúncia, Júlia Fernandes, vereadora com a pasta da habitação na autarquia de Vila Verde, explicou ao Notícias ao Minuto que o município detém 23 habitações sociais, oito das quais na freguesia de Barbudo, local onde foram captadas as imagens do vídeo. As restantes estão localizadas em Parada de Gatim e na Avenida Professor Machado Vilela, em Vila Verde. 

Já em relação à reabilitação, revelou a vereadora que em 2015 foram realizadas obras na cobertura e na fachada das habitações de Vila Verde. Em 2016, num prédio na mesma Avenida, foram requalificados dois apartamentos. Adiantou também Júlia Fernandes que neste edifício estão a ser feitas obras em dois apartamentos onde serão alojadas duas famílias. "As obras já estão em fase final", sendo presumível que terminem "em uma ou duas semanas", assegurou. 

Em concreto na localidade de Barbudo, das oito habitações da Câmara, cinco "foram requalificadas", garantiu a mesma fonte, que acrescentou que um apartamento de tipologia T3 foi dividido para alojar duas famílias. Restam duas casas que carecem de intervenção, as das imagens, "mas as obras já estão agendadas para breve", garantiu. 

A vereadora aproveitou ainda a oportunidade para referir que a Câmara de Vila Verde implementou um Regulamento de Apoio a Estratos Sociais Desfavorecidos, cujo objetivo é "apoiar a autoreconstrução". No âmbito deste projeto, refere a vereadora que, entre 2015 e 2018, foram canalizados 300 mil euros para apoiar 65 famílias. Há ainda um Regulamento de Arrendamento para Estratos Sociais que apoia 15 famílias. 

[Notícia atualizada às 12h05]

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório