Meteorologia

  • 21 JULHO 2018
Tempo
19º
MIN 18º MÁX 19º

Edição

Exames 9.º ano: Matemática continuou a ser a 'dor de cabeça' este ano

Mais de metade dos alunos do 9.º ano reprovou no exame de Matemática. Ainda assim, em comparação com 2017, a variação da taxa de reprovações "é pouco significativa", destaca o Ministério da Educação.

Exames 9.º ano: Matemática continuou a ser a 'dor de cabeça' este ano
Notícias ao Minuto

11:39 - 13/07/18 por Ana Lemos

País Educação

O gabinete do ministro da Educação acaba de revelar os resultados da 1.ª fase dos exames do 3.º ciclo.do Ensino Básico, provas que "foram realizadas em 1.255 escolas localizadas em Portugal Continental, nas Regiões Autónomas dos Açores e da Madeira e nas escolas no estrangeiro com currículo português".

Na 1.ª fase das provas finais do 3.º ciclo, obrigatória para todos os alunos internos que se encontrem em condições de admissão, foram realizadas "189.266 provas, referentes às disciplinas de Português (91), de Matemática (92), de Português Língua Segunda (95), para alunos surdos, e de Português Língua Não Materna (93 e 94), o que totaliza mais 3.949 provas do que no ano transato".

Neste processo, salienta a tutela, "estiveram envolvidos 4.171 professores classificadores do 3.º ciclo do Ensino Básico", e "mais de dez mil docentes vigilantes e pertencentes aos secretariados de exames das escolas".

No que diz respeito à média das classificações da 1.ª fase das provas finais de ciclo é, na disciplina de Português, de 66 pontos percentuais (desvio padrão de 16) e, na disciplina de Matemática, de 47 pontos percentuais (desvio padrão de 27), ou seja, negativa.

Se a Português,  "a classificação média evidencia uma subida em comparação com os resultados do ano anterior, observando-se uma variação de oito pontos percentuais", em relação à prova final de Matemática, "observa-se uma descida no valor da média das classificações, de seis pontos percentuais".

"Cerca de 87% dos alunos obtiveram uma classificação igual ou superior a 50% na prova de Português", ou seja, a grande maioria, contra "cerca de 48%" que teve nota positiva (igual ou superior a 50%) a Matemática.

Ainda assim, conclui o Ministério da Educação, a variação relativamente a 2017 na taxa de reprovação "é pouco significativa: na disciplina de Português, regista-se uma descida de um ponto percentual, ao invés da disciplina de Matemática, em que se verifica uma subida de um ponto percentual".

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório

Os cookies ajudam-nos a melhorar a sua experiência como utilizador.

Ao utilizar o nosso website, está a aceitar o uso de cookies e a concordar com a nossa política de utilização.