Meteorologia

  • 22 SETEMBRO 2017
Tempo
17º
MIN 16º MÁX 17º

Edição

Menino de 10 anos foge de casa e sobrevive a caçar serpentes e a pescar

Menor recusou ajuda de estranhos por ter vergonha.

Menino de 10 anos foge de casa e sobrevive a caçar serpentes e a pescar
Notícias ao Minuto

13:34 - 01/08/17 por Patrícia Martins Carvalho

Mundo China

Miao é um menino chinês de 10 anos que, depois de ser agredido pelo pai, fugiu de casa. Durante 24 dias, Miao caminhou sozinho pelas ruas e alimentou-se com tudo o que encontrou no caminho: bagas, peixes e até serpentes.

A história foi dada a conhecer pelo jornal South China Morning Post que apelida o menino, que fugiu a 29 de junho, de Tarzan.

Miao conta que várias pessoas lhe ofereceram ajuda, tanto a nível de alimentação como de alojamento, mas o facto de ter a roupa suja fez com que recusasse todas as iniciativas solidárias, pois tinha vergonha do seu aspeto.

O seu plano era chegar à cidade de Chongqing, que fica situada a 800 quilómetros do local onde vive, em Xuanwei, trabalhar e começar uma nova vida.

O menino contou à imprensa chinesa que dormiu em palheiros e, por vezes, no chão, nas ruas. Alimentou-se das bagas que encontrava pelo caminho e, a certa altura, a fome era tanta que criou a sua própria cana de pesca com recurso a uma garrafa e a um saco de plástico. Até uma serpente serviu de repasto a este menino. Por morar numa zona rural, Miao está habituado a lidar com estes animais selvagens e, assim que se cruzou com uma serpente, matou-a e assou-a numa fogueira que conseguiu fazer.

Aos jornalistas, Miao garantiu que não roubou nada a ninguém, contando ainda que o que aprendeu em casa ajudou-o a fazer remédios caseiros para as diarreias e as febres que contraiu durante a sua jornada.

E a jornada terminou ao fim de 24 dias quando uma patrulha da polícia o encontrou a vaguear a cerca de 100 quilómetros de casa.

Os agentes levaram-no de volta para a sua habitação onde os pais o receberam de braços abertos, prometendo não voltar a castigar o filho com tanta violência.

Seja sempre o primeiro a saber. Acompanhe o site eleito pela Escolha do Consumidor 2017.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório