Três crianças morrem após queda de raio em Angola

A queda de um raio matou três crianças e deixou feridas outras quatro na vila de Camabatela, município de Ambaca, província angolana do Cuanza Norte, o que aconteceu numa altura de fortes chuvas que caíam sobre a região.

© Reuters
Mundo Cuanza Norte

A informação foi transmitida hoje pelo segundo o porta-voz do Serviço de Proteção Civil e Bombeiros, André da Costa, acrescentando que na altura da ocorrência várias crianças procuraram refúgio debaixo de uma árvore para se protegerem das chuvas das últimas horas.

PUB

O responsável disse que as crianças feridas foram socorridas numa unidade hospitalar de Ambaca, reforçando o apelo às administrações para a necessidade de proteção das comunidades com para-raios.

"Sabe-se que na comunidade também é necessário que os sítios de maior aglomerado populacional haja para-raios e enquanto isso não acontece os locais mais seguros são as residências, porque as descargas tendem a atingir muitas vezes as árvores e permanecer debaixo das árvores enquanto chove é perigoso", frisou.

Na última época de chuvas em Angola morreram 42 pessoas em resultado, direta e indiretamente, de descargas elétricas atmosféricas, um fenómeno comum no país.

 

COMENTÁRIOS REGRAS DE CONDUTA DOS COMENTÁRIOS