Meteorologia

  • 22 FEVEREIRO 2024
Tempo
13º
MIN 12º MÁX 17º

Bolsa em Wall Street fecha sem rumo à espera da inflação

A bolsa nova-iorquina encerrou hoje sem rumo, mas com um novo recorde do índice seletivo Dow Jones Industrial Average, em dia com pouco movimento, com os investidores na expectativa dos números sobre o comportamento dos preços.

Bolsa em Wall Street fecha sem rumo à espera da inflação
Notícias ao Minuto

23:17 - 12/02/24 por Lusa

Mundo Mercado

Os resultados definitivos da sessão indicam que o Dow Jones subiu 0,33%, para os 38.797,38 pontos, no que é o seu 12.º recorde desde que o ano começou.

Ao contrário, o alargado S&P500 baixou 0,09% e o tecnológico Nasdaq cedeu 0,30%.

Os principais índices bolsistas está cm cinco semanas consecutivas de ganhos, com o S&P500 a fixar um máximo inédito na sexta-feira, pela primeira vez acima dos cinco mil pontos.

Os analistas apontam agora para a divulgação do índice de preços no consumidor na terça-feira, como o próximo indicador de relevo que pode pesar na ponderação da Reserva Federal (Fed) sobre a taxa de juro de referência.

Além desta informação, durante a semana, os investidores vão também ficar a conhecer as vendas do comércio retalhista, a produção e a balança comercial.

Por outro lado, durante a sessão, o fabricante de chips Nvidia, um dos principais beneficiados com o desenvolvimento da inteligência artificial, chegou a superar a Amazon capitalização bolsista, antes de recuar para 1,785 mil milhões de dólares, face aos 1,79 mil milhões do conglomerado do comércio eletrónico.

Porém, Marc Dizard, principal estratega de investimentos no PNC Asset Management Group, avisou que as cotações acionistas, que têm subido na antecipação pelos investidores de boas notícias, podem sofrer se a Fed adiar mais do que esperam o corte da taxa de juro.

As subidas das cotações têm também incorporado a expectativa de que a economia dos EUA não vai sofrer qualquer recessão, que a inflação vai continuar a baixar e que os lucros empresariais vão continuar a subir fortemente.

"Não há muito mais que possa realmente correr bem", sintetizou Marc Dizard.

Leia Também: Bolsa de Lisboa encerra a ganhar em linha com resto da Europa

Recomendados para si

;
Campo obrigatório