Meteorologia

  • 01 MARçO 2024
Tempo
14º
MIN 10º MÁX 15º

CEO da OceanGate admitiu que o maior medo era ficar preso no submarino

Empresário está entre as cinco pessoas a bordo do submarino desaparecido.

CEO da OceanGate admitiu que o maior medo era ficar preso no submarino
Notícias ao Minuto

22:15 - 21/06/23 por Notícias ao Minuto

Mundo Titan

Stockton Rush, fundador e CEO da OceanGate Expeditions, organizadora das viagens aos destroços do 'Titanic', confessou, numa entrevista no ano passado, que o seu maior medo ao realizar estas viagens turísticas era ficar preso no fundo do oceano no seu próprio submarino.

Stockton Rush, que está entre as cinco pessoas a bordo do submarino 'Titan', desaparecido desde domingo, fez esta confissão numa conversa com repórteres da CBS, no final de 2022, no podcast 'Unsung Science'.

Na altura, tal como recorda o New York Post, o empresário disse que não havia preocupações de segurança relativamente ao seu submarino, contudo, isso não significava que não tivesse alguns receios.

"O que mais me preocupa são as coisas que me vão impedir de chegar à superfície", disse. "Saliências, redes de pesca, riscos de emaranhamento", disse.

"Está bem claro – se for uma saliência, não passe por baixo. Se houver uma rede, não se aproxime dela. Portanto, você pode evitá-los se for lento e constante", acrescentou.

Interrogado sobre as questões de segurança, Rush desvalorizou: "Sabe, em algum momento, a segurança é apenas um desperdício puro. Quer dizer, se quiser simplesmente estar seguro, não saia da cama", disse.

"Em algum momento, vai correr algum risco, e é realmente uma questão de risco/recompensa. Acho que posso fazer isso com a mesma segurança quebrando as regras", acrescentou.

Recorde-se que o submarino desapareceu no domingo. O oxigénio disponível deverá acabar na manhã de quinta-feira.

Leia Também: A "luta" do 'Titan'. O que pode ter acontecido e o que está em causa

Recomendados para si

;
Campo obrigatório