Meteorologia

  • 03 DEZEMBRO 2022
Tempo
MIN 8º MÁX 12º

Alegado membro de célula do Estado Islâmico detido no Reino Unido

Aine Davis foi detido após chegar ao aeroporto de Luton num voo proveniente da Turquia.

Alegado membro de célula do Estado Islâmico detido no Reino Unido
Notícias ao Minuto

23:58 - 10/08/22 por Notícias ao Minuto

Mundo Estado Islâmico

Um homem de 38 anos que se trata, alegadamente, do quarto membro da chamada célula terrorista do Estado Islâmico 'Beatles' foi detido, na noite desta quarta-feira, no Reino Unido, está a noticiar a Sky News.

Aine Davis foi detido após chegar ao aeroporto de Luton num voo proveniente da Turquia. Foi detido por ter, alegadamente, cometido infrações no que concerne à Lei do Terrorismo de 2000, em vigor no país.

Oficiais do Comando Antiterrorista da Polícia Metropolitana conduziram, entretanto, o suspeito para uma esquadra da polícia localizada no sul de Londres.

Atualmente, suspeita-se que a célula terrorista 'Beatles' (assim designada devido ao irrepreensível sotaque britânico dos membros) tenha sido responsável pelo rapto e detenção de mais de 20 indivíduos ocidentais - e da execução de, pelo menos, sete deles, incluindo  os britânicos David Haines e Alan Henning.

Aqueles que viveram para contar a história relataram que o líder desta célula, responsável pelas execuções, era Mohammed Emwazi, que viria a ser apelidado de 'John'. Mais tarde, o nome evoluiria para 'Jihadi John'.

Elshafee Elsheikh e Alexanda Kotey eram, por sua vez, designados de 'Ringo' e 'George'. Porém, pelo facto de usarem sempre máscaras durante os raptos, nenhuma das vítimas foi capaz de identificar os atacantes no julgamento de Elsheikh que decorreu nos Estados Unidos da América, no início deste ano. Aine Davis, aparentemente com um menor envolvimento no esquema, era conhecido pelo nome de 'Paul'.

O líder desta célula terrorista foi abatido, aos 27 anos de idade, na sequência de um ataque com recurso a um drone nos Estados Unidos, a 12 de novembro de 2015. No mesmo dia, Aine Davis viria a ser preso pela polícia antiterrorista turca numa rusga a uma vila em Silivri, um subúrbio ocidental de Istambul.

Já Kotey foi preso, também em território norte-americano, em abril, pela sua participação em episódios de tortura e assassinato de reféns. Finalmente, Elsheikh deverá também ser condenado, durante este mês, pelo seu envolvimento.

Leia Também: Síria: Líder do grupo Estado Islâmico fez-se explodir depois de cercado

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório