Meteorologia

  • 13 AGOSTO 2022
Tempo
19º
MIN 17º MÁX 28º

Síria. Turquia anuncia ter matado 29 membros de milícia curda no norte

A Turquia disse hoje que o seu exército matou 29 membros de uma milícia curda no norte da Síria, onde mantém tropas desde 2016 e tem vindo a anunciar uma nova operação militar.

Síria. Turquia anuncia ter matado 29 membros de milícia curda no norte
Notícias ao Minuto

11:49 - 30/06/22 por Lusa

Mundo Síria

A ação, descrita como uma retaliação face "a perseguições e ataques de terroristas", foi anunciada pelo Ministério da Defesa turco, em comunicado.

Segundo o ministério, os mortos eram membros do "PKK/YPG", sigla que identifica o Partido dos Trabalhadores do Curdistão, guerrilha ativa na Turquia, e as Unidades de Proteção Popular, milícias curdas na Síria, que Ancara considera serem dois ramos da mesma organização terrorista.

O PKK também é considerado um movimento terrorista pela União Europeia e pelos Estados Unidos, mas as YPG são aliados de Washington na luta contra o grupo 'jihadista' Estado Islâmico.

A Turquia terá conseguido, na terça-feira, que a Suécia e a Finlândia aceitassem deixar de apoiar as YPG, como parte de um acordo para Ancara levantar o seu veto à adesão dos dois países nórdicos à NATO.

Os dois Estados nórdicos também se terão comprometido a suspender o embargo de armas à Turquia, imposto em resposta a várias operações militares que lançou em território sírio desde 2016, para controlar uma faixa ao longo da fronteira turco-síria e impedir incursões de guerrilheiros no seu território.

As autoridades turcas têm anunciado, nas últimas semanas, uma nova operação no país vizinho.

Os analistas acreditam que esta operação foi um dos assuntos discutidos na quarta-feira pelo Presidente turco, Recep Tayyip Erdogan, e o seu homólogo norte-americano, Joe Biden, durante um encontro realizado em Madrid, à margem da cimeira da NATO.

Após a reunião, a Casa Branca indicou que os dois líderes falaram, entre outros temas, sobre "a importância de manter a estabilidade" no Mar Egeu e na Síria.

Leia Também: Kyiv corta laços com a Síria após reconhecimento de Donetsk e Lugansk

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório