Meteorologia

  • 08 AGOSTO 2022
Tempo
18º
MIN 16º MÁX 27º

Moscovo afirma que Kyiv perdeu 780 militares no último dia

O ministério da Defesa russo informou hoje que as forças ucranianas sofreram mais de 780 baixas, incluindo "até 80 mercenários polacos", como resultado de ataques aéreos e de fogo de artilharia das forças russas.

Moscovo afirma que Kyiv perdeu 780 militares no último dia
Notícias ao Minuto

12:06 - 25/06/22 por Lusa

Mundo Ucrânia

"Em ataques com armas de alta precisão contra a fábrica de zinco Megatex na localidade de Konsntantinovka, na República Popular de Donetsk, até 80 mercenários polacos foram aniquilados", disse o porta-voz do ministério, general Igor Konashenkov, no briefing matinal diário.

Konashenkov acrescentou que 20 veículos blindados e oito lançadores múltiplos de mísseis Grad foram destruídos.

Segundo Konashenkov, as forças de Kyiv sofreram pesadas baixas na região de Mykolaiv, no sul da Ucrânia, onde mais de 300 militares ucranianos e mercenários estrangeiros foram mortos nas últimas 24 horas.

Nessa área, acrescentou o general, as tropas ucranianas também perderam 35 unidades de armas pesadas.

De acordo com o relatório, a defesa antiaérea russa abateu 21 drones, um míssil balístico Tochka-U e 16 foguetões de lançadores múltiplos.

Konanshenkov disse que no total a Ucrânia perdeu mais de 780 tropas durante o último dia.

Leia Também: Forças pró russas reclamam controlo de três zonas perto de Lisichansk

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório